A tecnologia Intacta está no mercado. Mas afinal, qual é o custo dessa nova tecnologia?

Publicado em 02/09/2013 16:24 e atualizado em 04/09/2013 16:00
6276 exibições
Por Valdir Edemar Fries – Produtor rural em Itambé - Pr.

A MONSANTO disponibilizou no mercado a nova tecnologia INTACTA. Toda tecnologia tem SEU preço, e o produtor deve pagar por ele, isto, todos nós produtores rurais concordamos. Agora,qual é o CUSTO da “NOVA” tecnologia INTACTA introduzida nas sementes de soja? 

Desde o inicio dos debates em relação aos custos da tecnologia INTACTA, dirigentes da MONSANTO previam o valor aproximado, valor que veio a se confirmar agora e a MONSANTO tem “JUSTIFICADO” que o valor dos R$ 115,00 de ROYALTIES a ser pago pelo produtor, se deve à combinação das TRÊS vantagens da NOVA tecnologia INTACTA… no entanto, devemos lembrar a todos que o valor estipulado para os ROYALTIES da intacta se deu bem antes de qualquer decisão em relação à questão da PATENTE da RR1.

Pois bem amigos produtores, numa eventual campanha de MARKETING,  como acontece muito no mercado de varejo, a MONSANTO até pode usar da campanha “PAGUE UM, LEVE TRÊS”, o que não é a questão, até porque a própria MONSANTO deixa claro que esta vendendo as TRÊS tecnologias. Segundo relato ao PROGRAMA MERCADO & COMPANHIA no CANAL RURAL a MONSANTO afirma: “ – [O preço] é fruto dos benefícios que a variedade traz, que são três: diferencial de produtividade, controle das quatro principais pragas que atingem as lavouras, além da supressão da Helicoverpa e do benefício uso da tecnologia RR.” (http://canalrural.ruralbr.com.br/noticia/2013/07/representante-da-monsanto-diz-que-intacta-rr2-pode-gerar-producao-de-83-sacas-por-hectare-4212085.html)

Diante das tecnologias inseridas na INTACTA que se coloca a venda, cabe a nós QUESTIONAR o custo de DUAS destas TRÊS tecnologias que resultaram em um ROYALTIES no valor de R$ 115,00/Hectare, definido pela MONSANTO para “NOVA TECNOLOGIA” INTACTA.

Primeiro quanto a tecnologia RR1 - “tolerância ao herbicida glifosato proporcionada pela tecnologia Roundup Ready” - Sabemos que neste meio de caminho dos debates dos custos da TECNOLOGIA INTACTA, a tecnologia RR1 passou a ser de domínio público, sem custas, ou melhor sem o direito da MONSANTO cobrar ROYALTIES da RR1, ao contrário, a própria MONSANTO admite devolver o que cobrou a mais pela tecnologia RR1, devolver em suaves parcelas de R$ 18,50, a serem descontados na compra da INTACTA. Se você não usar a tecnologia INTACTA, só judicialmente, mas para evitar maiores transtornos no futuro, a MONSANTO se antecede e oferece tais descontos definidos em “TERMOS DE ACORDO” alienando a nova tecnologia caso você venha a aderir, do contrário, corra atrás do seus direitos.

Segundo: Resultado de Produtividade – O aumento da produtividade em cada variedade de semente lançada, ocorre pelo melhoramento genético das sementes ao longo dos anos, e mesmo sem o tecnologia INTACTA, a produtividade obtida nos campos de observação da INTACTA já podem ser superado por inúmeros motivos e tecnologias desenvolvida por outras empresas e instituições, que através da pesquisa na melhoria do GERMOPLASMAS, após desenvolvida e feita a inserção nas sementes,tem proporcionado aumento da produtividade. Tecnologia de aumento de produtividade não é exclusividade desenvolvida somente pela MONSANTO, apesar da MONSANTO ter desenvolvido e inserido certo germo na intacta,  outras instituições e empresas tem contribuindo no aumento do potencial de produtividade das sementes, como por exemplo a EMBRAPA, a COODETEC, a FMT/TMG, e NIDERA entre outras Cooperativas e sementeiros que disponibilizam tecnologia de igual e até superior potencial de produtividade, que podem ou não a vir ser parceiros da MONSANTO na introdução da tecnologia INTACTA em suas sementes.

 

QUESTÃO DE MARKETING ou DE JUSTIFICATIVA PELOS CUSTOS  DOS ROYALTIES? VEJAM O QUE DIZ A MONSANTO :

“A Monsanto anuncia o lançamento comercial da nova tecnologia para soja INTACTA RR2 PRO™, que combina três soluções em um único produto: resultados de produtividade sem precedentes; tolerância ao herbicida glifosato proporcionada pela tecnologia Roundup Ready (RR); controle contra as principais lagartas que atacam a cultura da soja – lagarta da soja, lagarta falsa medideira, broca das axilas, também conhecida como broca dos ponteiros e lagarta das maçãs – e supressão às lagartas do tipo elasmo e do gênero Helicoverpa.

Para ter acesso a todos esses benefícios, o produtor que optar por usar a tecnologia INTACTA RR2 PRO™ terá um custo inicial de R$ 115 por hectare, que será pago juntamente com a semente. “Ouvimos dos nossos clientes que essa é a melhor maneira de o produtor remunerar a tecnologia. Ao pagar junto com a semente, ele fica sabendo na hora o custo total do seu hectare plantado e, dessa forma, pode tomar a decisão de usar ou não a tecnologia comparando seu custo com as outras opções no mercado” – diz Marcio Santos, diretor de Estratégia e Gerenciamento de Produto da Monsanto.” (http://www.monsanto.com.br/sala_imprensa/includes/template_press_release.asp?noticiaId=73333443423443234442343323433343433437D269123102022D8619D4654D4556D21146316BAE).

VOLTAMOS AO QUESTIONAMENTO: Qual é o CUSTO da “NOVA” tecnologia INTACTA introduzida nas sementes de soja? 

Voltamos a esta pergunta por outro fator além dos justificados pela MONSANTO, até porque todo custo da tecnologia é introduzida na semente e NÃO na ÁREA DE TERRA PLANTADA, uma vez que o valor do ROYALTIES atribuído pela MONSANTO esta definido em R$ 115,00 POR HECTARE, e toda classe de profissionais formada em ciências agrárias que atua no BRASIL e até muitos dos produtores rurais de norte a sul deste País, sabem que a quantidade de semente ou seja a população de plantas por metro quadrado varia de acordo com o tipo de solo, clima, época de plantio e principalmente pelo ciclo e pela variedade da soja a ser plantada, contudo a tecnologia INTACTA é introduzida na semente, no entanto seus ROYALTIES são cobrados sobre a área cultivada,independentemente da quantidade de sementes adquirida/utilizada.

QUEREMOS e PODEMOS SIM PAGAR PELA TECNOLOGIA intacta INTRODUZIDA NA SEMENTE, agora precisamos de melhor esclarecimento quanto ao REAL CUSTO DA “nova” TECNOLOGIA que está sendo vendida pela MONSANTO, uma vez que a “NOVA” tecnologia deve nos proporcionar uma economia na aplicação de INSETICIDAS contra o ataque de determinadas lagartas, se existe beneficio devemos pagar por ele, Mas qual é o custo?Segundo a própria MONSANTO, esta economia deve ficar em torno de R$ 70,00 por hectare, dai destes R$ 70,00 de economia que iremos ganhar, para os R$ 115,00 por hectare que iremos pagar existe um diferencial de valores de R$ 45,00, deduzindo que a tecnologia RR1 é de domínio publico… fica a pergunta – Qual é o CUSTO da “NOVA” tecnologia INTACTA introduzida nas sementes de soja? 

Por Valdir Edemar Fries – Produtor rural em Itambé - Pr.

Tags:

4 comentários

  • Frederico Soares Jataí - GO

    Sr. Valdir, não descordo em momento nenhum com seus argumentos, o senhor está coberto de razão, porem, os 10% divulgados de intacta é a média, e quando se fala em média significa que obteve valores acima e abaixo, e um pelo o outro ficou em um aumento de 10%. Dizer que um produtor obteve 75 sacas de soja não representa muita coisa, pois não sei o custo dessa produção, não sei a fertilidade dessa área. Então não se pode utilizar uma única produtividade com valor acima pra julgar uma tecnologia que apresenta médias estatísticas. Acredito que o melhor a se fazer nessa situação é adquirir uma pequena área e conferir o resultado, e assim cada produtor tirar suas próprias conclusões. Mas este é o caminho Valdir! Debatermos e registramos nossos pontos de vistas, e nossos resultados... pois o sentimento é comum! São maiores lucros aliado de uma manejo sustentável. Abraço.

    0
  • Valdir Edemar Fries Itambé - PR

    Sr. Frederico, segundo publicações da MONSANTO em relação aos testes de produtividade obtidos com a INTACTA, registram aumento de 10 %. MAS QUAL FOI A PRODUTIVIDADE OBTIDA POR HECTARE?

    Tenho conhecimento da produtividade de um dos testes realizados no Paraná, e segundo divulgado a produtividade obtida com a INTACTA FOI DE 69,9 sacas POR HECTARE - em 2012.

    No entanto no mesmo ano de 2012 produtores da região de Itambé/Maringá Pr, atingiram índices de produtividade de 75 sacas de soja por hectare, produção bem acima do que os resultados obtidos nos testes da INTACTA feitos na mesma região.

    Portanto a questão do gene de "maior" produtividade que a MONSANTO vende na INTACTA já é superado por demais cultivares, agora a questão de aderir a Técnologia ou não fica a cargo de cada produtor, a não ser que tenhamos que ser obrigados a aderir por falta d sementes das demais cultivares, como o Sr. Vilson Ambrozi comenta que as demais sementes deixarão de ser multiplicadas.

    Para melhor esclarecer as questões devo publicar NOVO artigo em relação à AOS "ACORDOS" que a MONSANTO exige que assinamos na ocasião da compra das sementes da NOVA TECNOLOGIA INTACTA...AGUARDE.OK.

    0
  • Vilson Ambrozi Chapadinha - MA

    Ouvi de um parceiro da multinacional da semente,que a mesma não permitirá a reprodução da tecnologia se o mesmo não abandonar RR1 .Portanto em breve só RR2PRO ,e convencional,esta sim lhes interessa devido a necessidade do refúgio.Quen quizer ficar somente na RR1 ao menos por uns anos que comece a reservar.

    0
  • Frederico Soares Jataí - GO

    Senhor Valdir, entendi a respeito dos 70 reais de economia, mas estudos apontam média de 6 sacos de soja a mais de produção quando comparado com as melhores variedades hoje comercializadas, neste caso utilizando uma racional extremamente simples isso corresponderia hoje a 428 reais, de acordo com com a bolsa no dia de hoje. Não vale apena?

    2