Vinho é agronegócio, por José Luiz Tejon

Publicado em 07/03/2016 16:26
José Luiz Tejon Megido é Conselheiro Fiscal do Conselho Científico para Agricultura Sustentável (CCAS), Dirige o Núcleo de Agronegócio da ESPM, Comentarista da Rádio Jovem Pan.

Vinho é agronegócio e saboroso, e os espumantes também. O Brasil tem produzido espumantes de qualidade internacional e ganhando prêmios na Europa e agora foi criado o Selo Brasil Espumantes.

O Ibravin (Instituto Brasileiro do Vinho) tem como objetivo mostrar a nós, consumidores, a qualidade dos espumantes brasileiros e, sem dúvida, num país que é tropical, uma das melhores formas para tomar vinhos está no bem gelado espumante brasileiro.

Atualmente 80% dos espumantes consumidos no Brasil são nacionais. 
As praias do Sul foram invadidas com degustações e o tema “experimente o melhor do verão”.  No ano passado o crescimento da venda de espumantes foi de 15% maior do que em 2014 e nesse sentido de dar visibilidade aos bons produtos brasileiros o Ibravin também tem o selo vinhos do Brasil e suco de uva 100% nacionais. E nova notícia boa para as vinícolas brasileiras:  no ano passado aumentamos em 16,5% as vendas dos vinhos brasileiros comparado ao ano anterior.

Ou seja, no agronegócio da uva, dos vinhos e dos espumantes temos significativos ganhos em qualidade e isso significa melhoria na qualidade de vida para milhares de pequenos produtores de frutas, não só do Sul, mas lá em cima, no Vale do Rio São Francisco, no novo Chico.

Tags:
Fonte:
CCAS

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário