Documento da Funai prova que Cimi financia invasões de terras no Brasil

Publicado em 26/05/2013 20:07 1166 exibições
(O Conselho Indígenas Missionário é uma organização ligado à igreja católica, vinculado à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB).

No último sábado a Polícia Federal apreendeu equipamentos de um suposto jornalista da instituição entre os índios terena que invadiram a Fazenda Buriti, no Mato Grosso do Sul. Por meio de nota oficial, a Polícia Federal afirmou que uma solução pacífica para o litígio na Fazenda Buriti não foi possível "especialmente em razão da presença de indivíduos estranhos à comunidade indígena, que se apresentaram como sendo representantes do CIMI, apontados pelos próprios indígenas como os motivadores do agravamento da ocupação e os estimuladores da desobediência à ordem judicial vigente".

A influência do Cimi vai muito além do que se pode imaginar a princípio. O Sr. Paulo Maldos, que coordenou a expulsão dos produtores rurais da antiga Fazenda Suiá-Missu, foi assessor do Cimi e é ex marido da atual presidente da Funai, Marta Azevedo. Paulo Maldos ocupa o primeiro escalão da Presidência República.

Não há na site do Cimi qualquer informação sobre a origem dos recursos que financiam a instituição. Em todas os conflitos fundiários envolvendo índios há sempre um agente do Cimi.

 

Um documento oficial da Funai, postado pelo Movimento Confisco Não!, comprova que o Conselho Indigenista Missionário (Cimi) financiou invasões de terras do Brasil. No documento, datado de 17 de dezembro de 1998, um funcionário da Funai relata ao seu superior que um tal Dr. Moarcir, ligado ao Cimi, entrou a um tal Dom Quetito a quantia de R$ 1.500,00 para custear a alimentação dos indígenas na invasão de quatro fazendas na região do Serro-Marangatu, uma área na fronteira entre Brasil e Paraguai, no município de António João, no Mato Grosso do Sul, identificada e delimitada pela Funai como sendo terra indígena pertence à etnia kaiowa.

A região do Serro Marangatu foi ocupada por não índios titulados e incentivos pelo Governo vargas nos anos 40 do século passado. Com a ascensão de Getúlio Vargas a partir de 1930, o Estado brasileiro passou a priorizar a nacionalização das fronteiras. A política estatal caminhou no sentido de promover a intensificação do povoamento não índio, naquele que chamou de "espaço vazio". Nesse contexto, a área foi oficialmente distribuída a não índios, que, de boa fé, se encarregaram de implantar fazendas destinadas a atividades agropastoris. Depois da invasão financiada pelo Cimi a funai criou a terra indígena para índios Guarani, a maioria vindos do Paraguay como o próprio Dom Quetito citado no documento.

https://3.bp.blogspot.com/-2GWb2k80tt0/UZutNlVXdrI/AAAAAAAAJ_E/8wcW9yat7pI/s320/Cimi+03.jpg


O Conselho Indígenas Missionário é uma organização ligado à igreja católica, vinculado à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB. Foi criado pela CNBB no ano de 1972 com o objetivo de lutar pelo direito dos povos indígenas. É forma hoje por cerca de 400 missionários divididos 112 equipes. A articulação dessas equipes é feita o Cimi organizou 11 Regionais distribuídos pelo país e um Secretariado Nacional localizado em Brasília. A instância máxima é a Assembléia Geral que se realiza de dois em dois anos. A Diretoria é composta pela Presidência (Presidente, Vice Presidente e dois Secretários) e pelos 11 Coordenadores regionais. Através dessa estrutura, o Cimi oferece apoio e assessoria jurídica, antropológica e de comunicação.

 

https://3.bp.blogspot.com/-sk0LSKapIAM/UZuorzwS7RI/AAAAAAAAJ-w/FxBkYBNIK6o/s400/Cimi+01.jpg

Clique na Imagem para ver ampliada

Tags:
Fonte:
NA

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

1 comentário

  • Edison tarcisio holz Terra Roxa - PR

    esse cimi so pode ser obra do chifrudo porque no cristianismo não existe nada para roubar produtores de alimentos gente que é legitima proprietario de terra quie trabalhou para compra uma propriedade não a furtou como o cimi esta fazendo os produtores éram na maioria catolicos praticantes gente que doava para a igreja fazer um papel desses mas esse povo do cimi esta convidado a não mais se alimentar de alimentos que nós produzimos onestamente e se querem conversar comigo e só me contatar tenho muitas aulas pra voces mes não sendo nenhum intelectual mas tenho muita nosão de justiça vale a pena ladrões

    0