Agronegócio já perdeu R$ 30 milhões com a estiagem

Publicado em 21/10/2014 08:50 120 exibições

Embora ainda não seja possível dimensionar todo o dano à safra 2013/2014, na área de logística, causado pela estiagem prolongada em São Paulo, a estimativa é o que o prejuízo ao agronegócio já passa de R$ 30 milhões. A informação, do presidente do Conselho de Logística e Infra-estrutura da Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), Renato Pavan, refere-se apenas à suspensão da navegação na Hidrovia Tietê-Paraná.

Pavan acrescentou que a expectativa de prejuízo potencial pode chegara a R$ 45 milhões, somente com os problemas enfrentados no transporte da safra pela hidrovia.

“Hoje, para se transportar grão de São Simão pela hidrovia até Pederneiras e, de lá, com ferrovias até Santos, custa R$ 86 a tonelada. Como não foi possível continuar a navegação na hidrovia, então essa carga teve de ir por caminhão custando R$ 101 por tonelada. Essa diferença provoca a diminuição da renda do produtor e congestionamento das estradas até o porto, sem falar na quantidade de caminhões para substituir a ferrovia”, disse em entrevista à Agência Brasil.

Leia a notícia na íntegra no site do Monitor Mercantil.

Tags:
Fonte:
Monitor Mercantil

0 comentário