UE debate como proteger agricultura em pactos comerciais com outros países

Publicado em 17/11/2016 06:28
32 exibições

Representantes dos países da União Europeia (UE) debateram na terça-feira (15/11) medidas a serem adotadas para proteger o agronegócio da região nos acordos de livre-comércio que estão sendo negociados pelo bloco, como o pacto em discussão com os Estados Unidos e o Mercosul.

Os ministros de Agricultura dos 28 países-membros da UE realizaram uma "troca de opiniões" sobre o assunto a partir de um estudo que avalia os efeitos dos pactos comerciais sobre produtos como a carne bovina e os laticínios.

Fontes consultadas pela Agência Efe afirmaram que "todos os países deixaram claro que estão de acordo em avançar nos acordos de livre-comércio". No entanto, também destacaram a necessidade de conseguir um equilíbrio entre a proteção dos produtos considerados sensíveis e o acesso aos novos mercados.

O relatório alerta que a carne bovina, o arroz e o açúcar estão entre os produtos que poderiam ser os mais afetados pelos acordos de livre-comércio que a UE concluiu ou negocia com outros países, como o Canadá e o Vietnã.

França e Irlanda mostraram preocupação pelo possível impacto dos pactos sobre a carne bovina, segundo as fontes consultadas pela Efe. O estudo também alerta para "eventuais perdas" no setor avícola. Os laticínios e os produtos suínos, no entanto, estão entre os que mais podem se beneficiar dos acordos, da mesma forma que as bebidas alcóolicas e o tabaco.

Os ministros acertaram em retomar o debate sobre o estudo em uma nova reunião em janeiro, disse em entrevista coletiva a titular da Agricultura da Eslováquia, Gabriela Matecna, cujo país exerce neste semestre a presidência rotativa do Conselho da UE.

"O relatório valida o enfoque europeu de proteger de maneira sistemática os setores sensíveis, limitando a liberalização das importações, disse o vice-presidente da CE para o euro, Jyrki Katainen.

Leia a notícia na íntegra no site Revista Globo Rural.

Fonte:
Revista Globo Rural

0 comentário