Preços de commodities se mantêm elevados, mas volume exportado cai

Publicado em 14/02/2017 06:15 109 exibições
Por Mauro Zafalon, coluna Vaivém das Commodities

O preço da maioria das commodities exportadas pelo Brasil se mantém em alta neste mês. O volume exportado, porém, está em queda.

O açúcar é um dos que têm um ritmo mais fraco. A média das toneladas exportadas por dia útil deste mês é 41% inferior à de fevereiro de 2016.

Se for mantido esse ritmo, as exportações de açúcar em bruto ficarão próximas de 1,3 milhão de toneladas, ante 2,3 milhões em 2016. As receitas, mesmo com os preços médios em alta, recuam.

A celulose, que vinha com volumes crescentes de vendas, também perde ritmo. Os dados da Secex apontam queda de 49% neste mês em relação a igual período de 2016.

O mesmo ocorre com as vendas de milho, produto que tem estoque baixo, enquanto a safra recorde estimada não chega ao mercado.

Na contramão, as exportações de carne suína mantêm o bom ritmo do ano passado. O volume médio destinado ao exterior é 21% maior neste mês do que em 2016.

Leia a notícia na íntegra no site Folha de S.Paulo.

Fonte:
Folha de S.Paulo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário