Agronegócio representa mais de 80% das exportações goianas

Publicado em 07/04/2020 13:36 86 exibições
Goiás exportou US$ 748 milhões em março, sendo que desse total o agro registrou US$ 600 milhões

O agronegócio goiano continua se destacando nos cenários nacional e internacional, levando alimentos para países de vários lugares do mundo. De acordo com informações do Comex Stat, divulgado pelo Ministério da Economia, 80,2% das exportações no mês de março, em Goiás, foram do agro, somando US$ 600 milhões. Entre todos os setores econômicos, o total exportado, em março de 2020, foi de US$ 748 milhões, 18,7% a mais que no mesmo período do ano passado. Verifica-se, no entanto, que no acumulado do trimestre de 2020, em comparação com o primeiro trimestre de 2019, houve um recuo.

Nas importações, o total foi de US$ 278,4 milhões, com saldo da balança comercial em US$ 469,8 milhões. No primeiro trimestre o estado exportou mais de US$1,5 bilhão, encerrando com saldo positivo de US$ 691,5 milhões, correspondente a 12,4% do saldo nacional.

Já em relação às exportações brasileiras, o valor atingido foi de US$ 19,2 bilhões em março, número 10,4% superior ao mesmo período de 2019. No total, o país importou US$ 14,5 bilhões no último mês. Assim, a balança comercial brasileira fechou em US$ 4,7 bilhões. No acumulado de janeiro a março, o Brasil exportou US$ 49,5 bilhões e importou US$ 43,9 bilhões, em um saldo trimestral de US$ 5,6 bilhões

Avaliação
"Somos um Estado com vocação agrícola forte e sabemos aproveitar isso muito bem. A agropecuária goiana é referência nacional e mundial, tanto pelo volume de produção, quanto pela qualidade. Esses atributos são reconhecidos não só no mercado interno, como no mercado internacional, nos colocando em posição de liderança frente a outros estados produtores", comenta o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Estado de Goiás (Seapa), Antônio Carlos de Souza Lima Neto. Entre as frentes de trabalho da Seapa estão o apoio técnico a produtores e o desenvolvimento de políticas públicas que estimulem o setor.

Entre os produtos que mais se destacaram no Estado de Goiás no mês de março estão o complexo soja (US$ 424,6 milhões), o complexo carnes (US$ 121,8 milhões), o álcool etílico, (US$ 533 mil), os açúcares (US$ 14,7 milhões) e o milho (US$ 3,4 milhões). No acumulado do primeiro trimestre de 2020 em comparação a 2019, o leite e seus derivados cresceram 467,8% e carnes de aves cresceram 154,6%.
Em março, houve a retomada das embarcações para China, e isso é notado no crescimento das exportações, sobretudo, de carne e de soja, de Goiás para a China, que é um importante parceiro comercial de nosso Estado.

Tags:
Fonte:
Seapa GO

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário