Valor da produção de lavouras mantém níveis estáveis e compatíveis

Publicado em 11/08/2010 12:15 363 exibições
Estimativa está projetada em R$161,1 bilhões, a segunda maior desde 1997. Destaques são aumentos de café e cana-de-açúcar.
O Valor Bruto da Produção (VBP) das 20 principais lavouras em 2010 está estimado em R$ 161,1 bilhões. O valor é 0,4% inferior ao do ano passado, quando chegou a R$ 161,6 bilhões e é o segundo maior desde 1997. Há dois anos, no auge da crise financeira mundial, o volume foi de R$ 169,3 bilhões. O levantamento é da Assessoria de Planejamento Estratégico do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e foi atualizado em julho.
         
As lavouras de cana-de-açúcar e café são os destaques do estudo, por conta do aumento de produção e de preços comparados aos níveis do ano passado. Entre os produtos com aumentos expressivos de valores estão cebola (123,62%), café (20,10%), batata inglesa (15%), cana-de-açúcar (10,28%) e banana (7,78%).
        
As principais reduções, comparadas ao VBP de 2009, ocorreram na uva (-32,66%), feijão (-21,34%), pimenta (-21,32%), amendoim (-21,27%), arroz (-18,66%), fumo (-12,62%) e milho (-11,37%). O coordenador de Planejamento Estratégico do Ministério da Agricultura, José Gasques, disse que os preços mais baixos de produtos têm sido decisivos na redução do valor da produção agrícola em 2010.
        
Gasques explica que o milho e a soja são importantes na formação do valor da produção agrícola e têm apresentado redução de preços em 2010. A queda real de preços do milho é de 15,1%, e da soja, 18,2%. “Estes itens apresentaram baixa no valor da produção, mas aumentaram em relação ao ano passado”, analisa.
       
 De acordo com a Assessoria de Planejamento Estratégico, os estados do Paraná e Santa Catarina puxaram o VBP da região Sul, que obteve aumento real do valor da produção da ordem de 8,79%. O Sudeste mantém os níveis do ano passado. Nas regiões Norte e Nordeste, a tendência é de diminuição, resultado de queda na produção e nos preços de produtos importantes na formação da renda regional. O Centro-Oeste, em função das baixas de preços das culturas de milho e soja, vem reduzindo o valor da produção em 16,76% neste ano.

Clique aqui e veja as previsões para 2010

Clique aqui e veja os dados regionais

Tags:
Fonte:
Mapa

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário