No rádio, Serra diz que Dilma não administra nem loja de R$ 1,99

Publicado em 21/09/2010 10:45
380 exibições

O programa do candidato do PSDB à presidência da República, José Serra, veiculado durante o horário eleitoral gratuito no rádio na manhã desta terça-feira (21), afirmou que a adversária petista não soube administrar sua própria loja que vendia produtos a preços populares. "Em 1995, Dilma Rousseff abriu uma lojinha em Porto Alegre para vender produtos de R$ 1,99 comprados no Panamá. Não deu certo, ela não conseguiu administrar a lojinha. Depois ela pôs a culpa no dólar", disse um dos personagens do programa serrista.

A inserção comparou ainda a trajetória dos dois candidatos. "Serra tem firmeza, tem o que mostrar e não depende de ninguém. Já a outra candidata tem o que? O PT, o Zé Dirceu... Já estão querendo mandar nela. Está difícil ver o que ela tem pra oferecer", ironizou o locutor. As recentes denúncias da revista Veja também foram ressaltadas no programa. "Faltam 13 dias para a eleição e a cada dia que passa o governo do PT se enrola mais em escândalos", criticou o apresentador.

A propaganda de Dilma Rousseff utilizou os números da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), elaborada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), para ressaltar as mudanças ocorridas no País durante o governo de Luiz Inácio Lula da Silva, do qual participou como ministra de Minas e Energia e ministra chefe da Casa Civil. "Enquanto o resto do mundo cortou empregos, aqui, o nosso governo gerou empregos e preservou o poder aquisitivo da população", disse a candidata em referência à crise mundial do ano passado.

Entre os dados citados pelos personagens do programa petista sobre a Pnad estão os 28 milhões de brasileiros que deixaram a pobreza extrema e "o número de brasileiros que entrou na classe média qNo rádio, Serra diz que Dilma não administra nem loja de R$ 1,99

Tags:
Fonte: Folha de S. Paulo

Nenhum comentário