Normas sanitárias garantem qualidade na produção de brotos

Publicado em 15/06/2011 09:37 354 exibições
Produtores de diversas variedades estão alcançando bons resultados no Rio Grande do Sul.
Produtores de brotos de diversas variedades estão alcançando bons resultados no Rio Grande do Sul. Na última semana, brotos de feijão foram apontados como causadores do surto da bactéria E.coli na Alemanha. Mas no Brasil, as exigências sanitárias vêm garantindo um produto de qualidade para o consumo.

Apesar dessa confirmação na Europa, pesquisadores afirmam que não há com o que se preocupar no Brasil. Segundo o professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Valmir Duarte, doutor em fitopatologia, a bactéria E.coli está em toda parte e são necessários cuidados com a higiene tanto humana quanto dos alimentos.

– O sistema de produção de olerícolas ou mesmo no caso de brotos deve ter uma qualidade no sentido de qualidade de água, na limpeza das plantas. A principal advertência é que nós temos que ter higiene, no momento em que vai comer qualquer alimento, antes de pegá-lo, inclusive em casa preparando a salada, nós temos que lavar as mãos – ressalta Duarte.

A fiscalização no Brasil começa nas sementes, que podem ser vendidas somente com liberação sanitária. Isso já reduz grande parte dos riscos de contaminação.

– Aqui ela é novamente avaliada por um laboratório credenciado no Ministério da Agricultura onde fica definido e confirmado que essa semente está livre de todo e qualquer microorganismo que possa trazer prejuízo – explica o engenheiro agrônomo e fornecedor de sementes Valter Coelho.

Os agricultores Álvaro e Débora Hennicka começaram a produção de brotos há 23 anos, estão entre os pioneiros no Brasil. Hoje eles têm uma agroindústria estruturada e entregam por mês 12 toneladas de brotos de diversas variedades. Segundo eles, o principal segredo está na limpeza.

– A nossa principal visão é que o broto saia totalmente limpo. Eles são lavados, embalados e a temperatura também é importante para manter a qualidade dos produtos – explica Débora.

Na produção de brotos um dos principais cuidados é com a qualidade da água. Na propriedade dos Hennicka a água vem direto de poço artesiano, ela é mineral, e fica estocada em caixas d´água. Mesmo assim os produtores fazem análise periodicamente para comprovar a qualidade.

E com todos esses padrões de higiene eles conseguiram crescer e garantir grandes compradores. Hoje entregam para as maiores redes de supermercado do Rio Grande do Sul.

– A gente tem orgulho de ter tido a idéia, a criatividade dessa atividade que hoje envolve tanta gente no país inteiro. É um mercado muito grande – declara Álvaro.

Tags:
Fonte:
Canal Rural

0 comentário