Algodão: Indicador se estabiliza após quedas consecutivas

Publicado em 28/05/2014 09:46 506 exibições

Depois de acumular baixas por 45 dias consecutivos, as cotações do algodão em pluma estão mais firmes no mercado brasileiro. O bom volume de negócios antecipados, que começa a ultrapassar metade da safra brasileira, tem deixado vendedores mais firmes em suas posições. No geral, produtores têm avançado com os negócios antecipados, especialmente para exportação. Mesmo assim, a estabilidade da paridade de exportação nos últimos dias e a restrição vendedora influenciaram a interrupção do movimento de queda do Indicador CEPEA/ESALQ. Como a maior parte dos compradores também está retraída, a liquidez continuou baixa nos negócios de spot. Ainda assim, houve compradores sinalizando necessidade de produto, dispostas a pagar preços maiores para o algodão de tipos melhores. Entre 20 e 27 de maio, o Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento em 8 dias subiu ligeiro 0,1%, fechando a terça-feira, 27, a R$ 1,9366/lp. A média mensal (até dia 27), de R$ 1,9572/lp, está 6,4% inferior à de abril/14, de R$ 2,0911.

Tags:
Fonte:
Cepea

0 comentário