Governo reduz subvenção a algodão e milho e frustra cadeia produtiva

Publicado em 17/09/2014 13:56 606 exibições

O governo federal liberou 250 milhões de reais para a realização de leilões públicos de subvenção aos preços de algodão em pluma da safra 2013/14, após prometer publicamente 300 milhões, e reduziu em 40 por cento os recursos disponíveis para sustentar o mercado de milho este ano.

O total liberado para o milho caiu de 500 milhões de reais para 300 milhões de reais, segundo portaria interministerial publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial da União.

O apoio aos setores de algodão e milho será feito por meio do Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro), em que o governo, em momentos de baixa das cotações, paga ao produtor a diferença entre o valor de comercialização do produto e o preço mínimo oficial.

Leia a íntegra na Reuters

Tags:
Fonte:
Reuters

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário