Algodão: Depois de leilão, agentes estão cautelosos

Publicado em 01/10/2014 10:03 336 exibições

O primeiro leilão de Pepro foi realizado na quinta-feira, 25 de setembro, e, agora, players estão cautelosos para novas negociações, conforme informações do Cepea. Com o apoio governamental, vendedores de algodão aguardam estabilização ou alta nos preços. Compradores, por outro lado, não têm demonstrado interesse em negociar, à espera de quedas nas cotações. Neste cenário, de acordo com pesquisadores do Cepea, o mercado segue enfraquecido. O Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento 8 dias caiu 0,5% entre 23 e 30 de setembro, fechando a R$ 1,6716/lp nessa terça-feira, 30. Em setembro, o recuo foi de 2,51%. No cenário internacional, o Icac (Comitê Internacional do Algodão) indicou, no final de setembro, aumento na produção mundial de algodão para a safra 2014/15 frente ao relatório do início do mês, passando para 26,22 milhões de toneladas. Já o estoque mundial e o consumo foram reajustados para baixo, indo para 21,44 milhões de toneladas e 24,4 milhões de toneladas, respectivamente.

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário