Algodão: Indicador se mantém na casa dos R$ 1,65/lp

Publicado em 19/11/2014 09:05 e atualizado em 19/11/2014 09:50 52 exibições

As divergências de preço entre compradores e vendedores e principalmente a questão da qualidade dos lotes da pluma têm dificultado a realização de negócios, conforme indicam pesquisadores do Cepea. Assim, os preços têm se mantido na casa de R$ 1,65/lp no mercado doméstico desde o final de outubro. Nessa terça-feira, 18, o Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento 8 dias fechou a R$ 1,6581/lp, elevação de apenas 0,5% na comparação com o dia 11.

A produção brasileira de algodão em pluma na safra 2014/15 poderá ser menor que a da temporada passada, de acordo com a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento). Em relatório divulgado no dia 11, a Companhia aponta redução entre 11,3% e 3,3%, considerando que a safra pode totalizar de 1,54 milhão a 1,67 milhão de toneladas. Devem ser cultivados entre 962 mil e 1,049 milhão de hectares, o que representaria queda entre 14,2% e 6,5%. Já para a produtividade, espera-se alta de 3,4%, indo para 1.598 kg/ha.

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário