Zoneamento orienta o plantio de algodão

Publicado em 18/08/2011 17:24 441 exibições
Estudo apresenta a lista completa de municípios e elementos climáticos que influenciam a produção, além dos tipos de solos aptos ao cultivo e melhor período para a semeadura
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento publicou no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira, 18 de agosto, as condições mais favoráveis para o plantio de algodão herbáceo em onze estados e no Distrito Federal. O zoneamento agrícola, com a lista dos municípios que estão aptos e os períodos mais adequados para a semeadura, foi publicado nas portarias de 329 a 340.

O estudo de risco climático indica o melhor período para plantar determinada cultura em cada município do país, segundo a análise histórica do comportamento do clima. No caso do algodão, os estados de São Paulo, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Piauí, Goiás, Mato Grosso, Rondônia, Tocantins, Paraná e o Distrito Federal apresentam as melhores condições para o cultivo do grão.

As temperaturas ideais para o desenvolvimento do algodoeiro são sempre superiores a 20ºC. Uma precipitação pluvial de 700 mm a 1300 mm favorece a produção. Tanto o déficit hídrico quanto o excesso de umidade podem comprometer o cultivo em determinadas fases do desenvolvimento do algodão.

Tags:
Fonte:
MAPA

0 comentário