MS quer criar uma política estadual para o rastreamento de bovinos

Publicado em 19/08/2016 15:13
109 exibições

Mato Grosso do Sul pretende criar uma política estadual para o rastreamento de todo o rebanho bovino do estado, cerca de 20 milhões de animais, segundo estimativa da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro).

O primeiro passo para a instituição desta política foi a criação por meio de uma resolução da secretaria estadual de Produção e Agricultura Famíliar (Sepaf), publicada nesta sexta-feira (19), no Diário Oficial do estado, de um grupo de trabalho não remunerado que vai propor as diretrizes para a elaboração deste conjunto de propostas.

O grupo de trabalho será composto por oito membros, que vão representar a Sepaf, a Iagro, a Superintendência Federal do Ministério da Agricultura e Pecuária (SFA/MS), a Embrapa Gado de Corte, a Federação de Agricultura e Pecuária do estado (Famasul),  a Associação dos Criadores (Acrissul), a Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores de Novilho Precoce (Aspnp) e o Sindicato das Indústrias de Frios, Carnes e Derivados (Sicadems).

Confira a notícia na íntegra no site do G1 MS

Tags:
Fonte: G1 MS

Nenhum comentário