Estiagem volta a prejudicar produção de bovinos e afetar frigoríficos de MS

Publicado em 20/09/2016 07:38
140 exibições

O JBS vai dar férias coletivas e suspender o abate por 20 dias, a partir de quarta-feira (21), em uma unidade de Campo Grande. A estiagem durante o inverno e a consequente redução da oferta de bovinos, podem ser a explicação para a decisão da empresa.

Especialistas do mercado da carne, afirmam que a situação é comum, principalmente no terceiro trimestre do ano. No ano passado, a crise por falta de matriz para abate foi critica e afetou diversas plantas no Estado que chegaram a fechar às portas. 

Deste vez, o JBS justifica que fechamento por 20 dias acontece para “ajustar demanda de produção às questões de mercado”. O grupo ainda tem enfrentado uma crise política, sendo alvo de investigações da Polícia Federal.

O presidente da Assocarnes/MS (Associação de Matadouros, Frigoríficos e Distribuidoras de Carnes), João Alberto Dias, explica que anualmente faltam animais para abates neste período, já que os bovinos estão em fase de terminação. "É uma coincidência de fatores, como a seca que afeta o pasto, queda na demanda e os bovinos que ainda não estão pronto para abates, mas é algo sazonal", alega.

Leia a notícia na íntegra no site Campo Grande News.

Tags:
Fonte: Campo Grande News

Nenhum comentário