HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Boi: Contratos futuros encerram a 4ª feira com preços acima dos R$ 200,00/@ na Bolsa Brasileira

Publicado em 13/11/2019 17:07
417 exibições
No mercado físico, preços do boi chegam aos R$ 202,00/@, à prazo.

LOGO nalogo

A sessão desta quarta-feira (13) foi marcada por valorizações significativas nos principais contratos na Bolsa Brasileira (B3), na qual encerrou com ganhos ao redor de 3,95% a 4,21%. O contrato Novembro/19 terminou o dia precificado a R$ 201,80/@, com uma alta de 4,02%. O Dezembro/19 registrou um aumento de 3,92% e cotado a R$ 207,70/@, enquanto, o Janeiro/20 está cotado a R$ 208,95/@ e com um ganho de 4,21%.

Para o vencimento Maio/20, as referências terminaram a quarta-feira com uma alta de 3,84% e com a arroba a R$ 208,00/@. O Outubro/20 registrou uma nova máxima de R$ 213,00/@ e terminou o dia com uma valorização de 3,99% O analista de mercado da AgroAgilitty, Gustavo Figueiredo, destacou que  o mercado futuro está renovando as suas máximas com as valorizações observadas no mercado físico.

“Tudo que ocorre na Bolsa Brasileira está sendo influenciado pelo o mercado físico do boi, tendo em vista que uma coisa está ligada da outra. Como pela primeira vez na história saiu o primeiro boi de R$ 200,00/@, as referências para o futuro estão se ajustando a esses novos patamares”, comentou em entrevista ao Notícias Agrícolas.

Assista:

>> Negócios em São Paulo para o boi China chegam aos R$ 200,00/@, à vista e livre de impostos

No Aplicativo AgroBrazil, os participantes relataram negociações em São Paulo de R$ 200,00/@ para o animal com destino a exportação. Na região de Sandovalina/SP e Presidente Venceslau/SP, os preços informados foram de R$ 200,00/@, à vista.

No inicio da manhã, os participantes relataram negócios em Balbinos/SP para o boi China a R$ 200,00/@, à prazo com 50 dias para pagar. Nesta comercialização a data para o abate esta programada para o dia 21 de novembro.

No final desta tarde, os participantes informaram no aplicativo negócios em Rosana/SP de R$ 202,00/@, à prazo com oito dias para pagar. Essa comercialização é destinada aos animais que atendem o mercado exportador. A data do abate está programada para o dia 28 de novembro. 

Para saber mais detalhes, confira o aplicativo AgroBrazil AQUI

No levantamento da XP Investimentos, as referências estão ao redor de R$ 185,09/@ à vista e livre do Funrural (1,5%), também é a maior já registrada. O avanço diário é de significantes R$ 2,41/@ ou 1,32% no dia, sendo a 14ª semana consecutiva com variação positiva. “O início de novembro, a entrada de salários e os feriados próximos favorecem o consumo local. O mercado interno absorve cerca 70% da produção nacional e, apesar de desempenhar abaixo das exportações, tem sido importante para garantir boa margem de lucro para as indústrias”, informou a consultoria.

A Radar Investimentos ressaltou em seu boletim diário que o apetite da indústria exportadora combinado com as falhas nas escalas de abate dos próximos dias abre espaço para valorizações da arroba em SP e nas demais praças pecuárias. Os frigoríficos também têm repassado a alta da arroba para a carne, o que também reflete em altas no mercado atacadista. 

Leia mais:

>> Boi: Apetite da indústria exportadora abriu espaço para valorizações em SP, por Radar Investimentos

Mesmo diante dos ganhos acumulados, a oferta de boiada gorda não apresenta melhora e se mostra insuficiente para atender a demanda vigente. “Até o final da semana passada, a despeito da irregularidade nas escalas de abate, muitas indústrias frigoríficas estavam relutantes em adotar uma postura mais agressiva nas suas compras de gado, temerosas de que os preços praticados no atacado não dessem sustentação para o pagamento de valores mais altos no mercado físico do boi gordo, via repasse de custo”, destacou a Informa Economics FNP.

Atacado

Segundo o aplicativo Agrobrazil, as referências para o boi casado em São Paulo estão próximas de R$ 13,50/kg, ou seja, uma valorização de 0,75% frente ao fechamento na última terça-feira. Segundo o levantamento da Scot Consultoria, os preços para a carcaça do boi capão estão próximos de R$ 12,57/kg.

A XP investimentos apontou em seu relatório de mercado que o boi casado de animais castrados tem média de R$ 12,78/kg no atacado paulista, avanço de R$ 0,34/kg e também recorde nominal. Pelo levantamento interno, as programações atendem 4,7 dias úteis para as grandes indústrias e 3,3 dias para as pequenas e médias.

Abate

De acordo com as informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE),o abate bovino chegou a 8,35 milhões de cabeças no terceiro trimestre de 2019, avanço de 4% em relação ao trimestre anterior e alta de 0,5% quando comparado ao mesmo período do ano passado.

A produção de carcaças bovinas aumentou 8% em relação ao trimestre anterior, sendo produzidas 2,16 milhões de toneladas durante o período. Em relação ao terceiro trimestre de 2018, o aumento é de 2,1%. Segundo o pesquisador Sergio De Zen, responsável pelas pesquisas de proteína animal do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), a China e outros países da Ásia têm impulsionado o aumento da produção de carnes do Brasil.

Confira como ficaram as cotações para o Boi Gordo nesta quarta-feira:

>> BOI

Tags:
Por: Andressa Simão
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário