Café: Bolsa de Nova York testa recuperação na manhã desta 6ª feira, após cair mais de 600 pts

Publicado em 02/12/2016 08:40
104 exibições
As cotações futuras do café na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) operam com leves ganhos na manhã de sexta-feira (02), após ceder quase 600 pontos no pregão anterior. As informações de câmbio, além de chuvas no Brasil, vêm contribuindo para as quedas no mercado internacional.

Às 9h26, em Brasília, o vencimento março/17 anotava ganhos de 80 pontos e era cotado a 145,70 cents/lb. Já maio/17 era negociado a 148,05 cents/lb, registrando valorização de 85 pontos, assim como julho/17 que valia 150,20 cents/lb. O contrato setembro/17 subia 80 pontos e operava a 152,15 cents/lb.

Nas últimas sessões, o mercado internacional vêm registrando quedas consecutivas, refletindo o cenário de dólar e também na redução da preocupação com o abastecimento na próxima temporada. O analista da Safras & Mercado, Gil Carlos Barabach, explica que as cotações tem operado de forma técnica nos últimos.

No mercado físico, por volta das 9h30, o tipo 6 duro era negociado a R$ 535,00 pela saca de 60 quilos em Poços de Caldas (MG), com alta de 0,19%. Em Espírito Santo do Pinhal (SP), a saca seguia cotada a R$ 540,00 e em Guaxupé (MG) a R$ 527,00 por saca. 


» Clique e veja as cotações completas de café

Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário