Café arábica em NY cai mais de 150 pts nesta tarde de 3ª em ajustes e com pressão do câmbio

Publicado em 17/09/2019 12:08 e atualizado em 10/10/2019 17:17
335 exibições
Mercado assimila ganhos da véspera

LOGO nalogo

Os contratos futuros do café arábica operam com queda de mais de 150 pontos nesta tarde de terça-feira (17) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado acompanha as oscilações cambiais e realiza ajustes técnicos ante a véspera.

Por volta das 11h59, os lotes com  vencimento para dezembro/19 caíam 180 pontos, a 102,55 cents/lb e o março/20 anotava 106,00 cents/lb com recuo de 185 pontos. O contrato maio/20 anotava 108,35 cents/lb com perdas de 185 pontos.

O mercado do arábica na ICE realiza ajustes ante a alta de mais de 150 pontos registrada na sessão anterior. Na segunda-feira (16), os preços do petróleo, oferta e até o câmbio em parte do dia contribuiram para o avanço.

Além disso, o tempo seco e as altas temperaturas ocorrem em um momento próximo das principais floradas da safra comercial 2020/21. As atenções para a próxima temporada também estão na ferrugem, que já afeta lavouras.

Nesta terça-feira, ajustes são realizados ante esses fatores. O câmbio também contribui para as perdas. Às 12h04, o dólar comercial tinha alta de 0,29%, cotado a R$ 4,103 na venda, acompanhando as movimentações no exterior.

O dólar mais alto em relação ao real tende a encorajar as exportações das commodities, mas em compensação pressiona as cotações. O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 456,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG) e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 430,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário