Café arábica tem queda próxima dos 200 pts nesta 6ª em NY acompanhando dados da Colômbia

Publicado em 04/10/2019 12:12 418 exibições

LOGO nalogo

As cotações futuras do café arábica tem queda próxima dos 200 pontos nesta tarde de sexta-feira (04) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado realiza ajustes ante a alta registrada na sessão anterior, mas repercute com força divulgações da Colômbia.

Por volta das 12h06, os lotes com  vencimento para dezembro/19 caíam 190 pontos, cotados a 100,20 cents/lb e o março/20 anotava 103,80 cents/lb com recuo de 185 pontos. O contrato maio/20 anotava 106,10 cents/lb com queda de 185 pontos.

"Hoje, os preços do café estão mais baixos com sinais de maior oferta global depois que a Federação Nacional dos Produtores de Café da Colômbia informou que a produção no país em setembro aumentou 4%, para 1,1 milhão de sacas", informa o Barchart.

Ainda de acordo com o site internacional, os futuros do arábica só não caem mais nesta tarde porque o dólar sofre desvalorização ante o real. Às 12h11, a moeda registrava queda de 0,75%, cotada a R$ 4,059 na venda, acompanhando o exterior.

"Em um primeiro momento, a leitura é baixista para o dólar. Há a continuidade de apostas em novos cortes de juros do Fed, que melhora a relação risco/retorno para se investir em mercados emergentes", disse à Reuters Ricardo Gomes da Silva, superintendente da Correparti Corretora.

Apesar da baixa, operadores no terminal externo acompanham de perto as informações sobre as condições de produção para a safra 2019/20 de café do Brasil. Chuvas chegaram recentemente, mas lavouras estavam sem precipitação por meses.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 446,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG) e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 435,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário