Café arábica opera com quedas de mais de 100 pts nesta tarde de 5ª na Bolsa de NY

Publicado em 24/10/2019 12:12
197 exibições

LOGO nalogo

As cotações futuras do café arábica operam com quedas de mais de 100 pontos nesta tarde de quinta-feira (24) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado estende as perdas da véspera ainda acompanhando dados da oferta.

Por volta das 12h07, o vencimento dezembro/19 registrava queda de 105 pontos, cotado a 96,70 cents/lbp e o março/20 anotava 100,20 cents/lbp com desvalorização de 100 pontos. O maio/20 caía 95 pontos, negociado a 102,40 cents/lb.

O mercado do arábica na ICE chegou a trabalhar em alta durante a manhã desta quinta-feira, mas as baixas logo voltaram a ser vistas em movimentações técnicas, estendendo as perdas da véspera, e com mais otimismo com a oferta.

O site internacional Barchart destacou na sessão anterior que os preços do café estão mais fracos neste momento acompanhando as informações de amplos suprimentos, principalmente diante de novas rodadas por lavouras do Brasil.

Na última semana, porém, em entrevista para a Reuters, a Cooxupé destacou que apesar das ideias de superávit, a cooperativa já havia vendido toda sua oferta de contratos com entregas futuras. A Cooxupé é a maior cooperativa de café do Brasil.

O mercado do arábica na ICE ainda tem suporte do dólar, o que faz com que os futuros não recuem ainda mais. Às 12h13, o dólar comercial perdia 0,62%, cotado a R$ 4,008 na venda.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 426,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG) e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 410,00.

» Clique e veja as cotações completas do café

Por:
Jhonatas Simião
Fonte:
Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Carlos Rodrigues

    é uma vergonha como o setor financeiro tomou conta e tem esta mercadoria refém da sua ganancia , claro que só quando o Brasil fechar a torneira da sua exportação os preços podem subir alguma coisa este ano ate Setembro a media é superior a 3 milhões de sacas por mês!!! vendido em media a 1 dólar a libra!! não se percebe como a coisa vai melhorar...

    0