Café segue tendo dia tranquilo em Nova York: Setor aguarda novas notícias e dólar opera em alta

Publicado em 30/04/2020 11:52 74 exibições

LOGO nalogo

O cotrato futuro do café arábica segue operando sem grandes movimentações na Bolsa de Nova York (ICE Future US) nesta quinta-feira (30). O mercado anda de lado após encerrar o último pregão. 

Por volta de 12h05 (horário de Brasília), julho/20 tinha queda de 40 pontos, valendo 104,95 cents/lbp, setembro/20 registrava queda de 30 pontos, valendo 106,30 cents/lbp, dezembro/20 registrava queda de 20 pontos, negociado por 108,20 cents/lbp e março/21 tinha baixa de 30 pontos, valendo 110 cents/lbp.

O mercado segue operando sem grandes movimentações e aguardando novas notícias após uma semana marcada pelas movimentações do dólar e também de preocupação com o consumo do café durante a pandemia. Analistas afirmam que o cenário está precisando ser avaliado diariamente, tendo em vista que há muitas informações neste momento e a economia global de modo geral opera com cautela. 

Por volta de 12h12 (horário de Brasília), o dólar registrava alta de 1,09% e era cotado por R$ 5,414 na venda. O dólar mais alto pode impulsar as exportações, mas tende a derrubar os preços no exterior. 

Mercado Interno - Última sessão

O tipo 6 duro teve queda de 2,56% em Guaxupé/MG, valendo R$ 570,00. Poços de Caldas/MG registrou queda de 1,69%, negociado por R$ 580,00 em Araguarí/MG e Franca/SP a baixa foi de 1,72% e os valor mantido em R$ 570,00.

O tipo 4/5 teve queda de 1,67% em Poços de Caldas/MG, valendo R$ 590,00. Varginha/MG registrou desvalorização de 0,83%, negociado por R$ 595,00 e Franca/SP teve baixa de 1,69%, valendo R$ 580,00.

O tipo cereja descascado teve queda de 2,38% em Guaxupé/MG, valendo R$ 615,00. Poços de Caldas/MG registrou baixa de 1,47%, valendo R$ 670,00. Varginha/MG registrou a baixa maise expressiva, de 3,23% e estabelecendo os preços por R$ 600,00.

>>> Veja mais cotações aqui

 

Tags:
Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário