Demanda mais aquecida mantém preços do café com valorização em Nova York

Publicado em 30/07/2020 12:01 419 exibições

LOGO nalogo

As perspectivas de uma demanda mais aquecida para o setor de café manteve os preços na Bolsa de Nova York (ICE Future US) em alta na manhã desta quinta-feira (30). 

Por volta das 12h01 (horário de Brasília), setembro/20 tinha alta de 360 pontos, valendo 115,20 cents/lbp, dezembro/20 subia 360 pontos, valendo 118,10 cents/lbp, março/21 tinha alta de 355 pontos, negociado por 119,90 cents/lbp e maio/21 subia 345 pontos, valendo 120,80 cents/lbp.

Haroldo Bonfá, analista da Pharos Consultoria, destacou por volta das 10h desta quinta, que o mercado ainha absorve as informações divulgadas pelo Starbucks no último pregão. Na última sessão, o otimismo da demanda elevou os preços do café depois que o CEO da Starbucks disse em uma teleconferência que as vendas em lojas comparáveis ​​da empresa nos EUA se tornaram positivas em julho.

Além disso, Haroldo destaca que as informações sobre um possível vacina no combate à Covid-19 também ajuda a dar suporte de alta nos preços em Nova York. "As milhares de notícias de que a nova vacina deve sair em breve ajuda em muito o ânimo do mercado", destaca. 

Mercado Interno - Última sessão

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve alta de 1,83% em Guaxupé/MG, sendo negociado por R$ 557,00, Patrocínio/MG registrou alta de 0,94%, valendo R$ 535,00, Varginha/MG registrou valorização de 1,82%, negociado por R$ 560,00, Franca/SP teve alta de 0,91%, negociado por R$ 555,00, Cafelândia/PR registrou alta de 3,01%, negociado por R$ 451,80 e em Maringa/PR, a valorização foi de 4,08%, com preços estabelecidos por R$ 510,00.

O tipo cereja descascado teve alta de 1,64% em Varginha/MG, valendo R$ 620,00. Patrocínio/MG subiu 0,86%, negociado por R$ 585,00.
Guaxupé/MG manteve a estabilidade por R$ 605,00 e Poços de Caldas/MG manteve o valor por R$ 650,00.

>>> Veja mais cotações aqui

Tags:
Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário