Café: Com alta do dólar, mercado futuro registra quedas na Bolsa de Nova York

Publicado em 07/08/2020 13:14 257 exibições

LOGO nalogo

O mercado futuro do café arábica passou a operar com baixas para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). A alta do dólar pressiona os preços no pregão desta sexta-feira (7). 

Por volta das 13h13 (horário de Brasília), setembro/20 tinha queda de 275 pontos, valendo 114,25 cents/lbp, dezembro/20 registrou baixa de 225 pontos, negociado por 116,70 cents/lbp, março/21 teve queda de 220 pontos, valendo 118,90 cents/lbp e maio/21 registrava baixa de 220 pontos, negociado por 119,95 cents/lbp. 

"Hoje, o café arábica está sob pressão devido à fraqueza do real em relação ao dólar. O real caiu acentuadamente em -1,92% em relação ao dólar hoje, ao nível mais baixo de três semanas", afirma a análise do site internacional Barchart. A alta do dólar, em contrapartida, dá suporte de alta para as exportações. O Brasil é o maior produtor e exportador de café do mundo. 

Ainda de acordo com a análise, o suprimento de café continua a apertar, o que é otimista para os preços, com os estoques de café arábica monitorados pela ICE na quinta-feira caindo para uma baixa de três anos em 1.502 milhões de sacas. 

Mercado Interno - Última sessão 

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve queda de 3,24% em Guaxupé/MG, valendo R$ 597,00, Poços de Caldas/MG teve baixa de 1,17%, negociado por R$ 590,00, Campos Gerais/MG registrou queda de 3,20%, valendo R$ 605,00. Patrocínio/MG manteve o valor de R$ 600,00. Araguarí/MG manteve os preços por R$ 620,00 e Varginha/MG manteve a estabilidade por R$ 600,00.

O café tipo cereja descascado teve queda de 3,03% em Guaxupá/MG, valendo R$ 640,00. Poços de Caldas/MG registrou baixa de 1,89%, valendo R$ 725,00. Patrocínio/MG manteve o valor de R$ 650,00 e Varginha/MG manteve o valor de R$ 650,00. 

>>> Veja mais cotações aqui

Tags:
Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário