Café: Semana começa com poucas valorizações e previsão de tempo estável na colheita

Publicado em 10/08/2020 09:07 e atualizado em 10/08/2020 09:37 481 exibições

LOGO nalogo

O mercado futuro do café arábica iniciou o primeiro pregão da semana com valorização técnica para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US).  As cotações voltam a subir após finalizar a última sessão com baixas em Nova York e no Brasil. 

Por volta das 09h05m (horário de Brasília), setembro/20 tinha alta de 65 pontos, valendo 116,10 cents/lbp, dezembro/20 subia 50 pontos, valendo 118,40 cents/lbp, março/21 tinha alta de 35 pontos, valendo 120,45 cents/lbp e maio/21 registrava valorização de 70 pontos, negociado por 121,85 cents/lbp.

A colheita do café em Minas Gerais, que alcançou 70% na semana passada, deve começar avançar para a reta final na principal região produtora do país. As previsões do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), para os próximos dias, indicam tempo seco e com baixas chances de geadas no sul mineiro.  

Também por volta deste horário, o dólar registrava alta de 1,30% e era cotado por R$ 5,41 na venda. O dólar em alta pode dar suporte de queda para os preços na Bolsa ao longo desta segunda-feira (10). Segundo a agência de notícias Reuters, dólar começou a semana em leve alta contra o real em um dia marcado por atenções divididas entre as tensões sino-americanas e decretos do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para apoiar a maior economia do mundo após falhas nas negociações de estímulo da Casa Branca com o Congresso.

Mercado Interno - Última sessão 

O tipo 6 bebida dura bica corrida, teve queda de 0,67% em Guaxupé/MG, valendo R$ 593,00. Poços de Caldas/MG registrou baixa de 2,54%, sendo negociado por R$ 575,00, Varginha/MG teve baixa de 0,83%, sendo cotado por R$ 595,00. Campos Gerais/MG registrou baixa de 1,65%, valendo R$ 595,00. Patrocínio/MG manteve o valor de R$ 585,00 e Araguarí/MG manteve o valor de R$ 620,00.

O café tipo cereja descascado encerrou com baixa de 0,78% em Guaxupé/MG, valendo R$ 635,00. Poços de Caldas/MG registrou queda de 2,07%, valendo R$ 710,00, Varginha/MG teve baixa de 2,31%, negociado por R$ 635,00. Patrocínio/MG manteve a estabilidade por R$ 635,00.

>>> Veja mais cotações aqui 

Tags:
Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário