Com baixa nos estoques da GCA, café tem dia de valorização em Nova York e Londres

Publicado em 17/02/2021 17:10
Mercado físico acompanhou movimentação e também encerrou o dia com altas

LOGO nalogo

A quarta-feira (17) chega ao fim com valorização técnica para os principais contratos do mercado futuro do café arábica na Bolsa de Nova York (ICE Future US). O mercado passou a maior parte do pregão sem grandes variações, mas avançou na reta final das negociações. 

Março/21 teve alta de 135 pontos e encerrou valendo 125,70 cents/lbp, maio/21 teve valorização de 120 pontos, valendo 127,40 cents/lbp, julho/21 subiu 115 pontos, valendo 129,25 cents/lbp e setembro/21 registrou alta de 120 pontos, negociado por 131,05 cents/lbp. 

Mais uma vez os preços foram sustentados por uma demanda mais aquecida no Estados Unidos - principal consumidor do café brasileiro. Segundo análise do site internacional Barchart, a redução na oferta de café no país norte-americano deu um impulsos aos preços nesta quarta-feira (17). 

"Os preços subiram depois que os dados da Green Coffee Association mostraram que oes estoques de café verde dos EUA em janeiro caíram 12%, para 5,84 milhões de sacas", destacou a análise internacional. 

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon também encerrou com valorização. Março/21 teve alta de US$ 11 por tonelada, valendo US$ 1349, maio/21 teve valorização de US$ 9 por tonelada, negociado por US$ 1372, julho/21 teve alta de US$ 11 por tonelada, valendo US$ 1387 e setembro/21 subiu US$ 10 por tonelada, encerrando o dia por US$ 1401.

No Brasil, o mercado físico acompanhou o exterior e finalizou com valorização nas principais praças produtoras do país. 

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve alta de 2,96% em Patrocínio/MG, estabelecendo os preços por R$ 695,00, Guaxupé/MG registrou alta de 1,46%, valendo R$ 693,00, Poços de Caldas/MG teve alta de 0,77%, estabelecendo os preços por R$ 655,00, Araguarí/MG teve alta de 1,47%, valendo E$ 690,00 e Franca/SP teve alta de 2,99%, estabelecendo os preços por R$ 690,00.

O tipo cereja descascado teve alta de 1,38% em Guaxupé/MG, encerrando o dia por R$ 735,00, Poços de Caldas/MG teve alta de 0,70%, valendo R$ 715,00, Patrocínio/MG registrou valorização de 4,20%, estabelecendo os preços por R$ 745,00 e Campos Gerais/MG teve alta de 3,43%, valendo R$ 753,00.

>>> Veja mais cotações aqui

Leia Mais:

+ FNC lança programa de renovação de cafezais em 2021

+ Café solúvel: Abics realiza capacitação de professores do Centro de Preparação de Café do Sindicafé-SP

+ Procafé: Floração de cafeeiros fora da época, depois de veranico

+ Mercado de café: Qual o tamanho da demanda? Pergunta de "2 milhões de dólares"!

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário