De olho nas chuvas no BR e no Vietnã, café tem dia de ajustes nos preços

Publicado em 27/09/2021 16:35 e atualizado em 27/09/2021 17:07 491 exibições
Dezembro/21 teve queda de 70 pontos, valendo 193,65 cents/lbp

Logotipo Notícias Agrícolas

O mercado futuro do café arábica encerrou as cotações do primeiro pregão da semana com desvalorização técnica para os principais contratos na Bolsa de Nova York (ICE Future US). Segundo análise do site Barchart, o registro de chuva em áreas de Minas Gerais no final de semana pesaram sobre os preços de café.

A chuva, no entanto, ainda aconteceu de forma muito irregular e com queda de granizo em várias áreas do parque cafeeiro. Com as temperaturas elevadas das últimas semanas, a chegada da frente fria favoreceu a formação de granizo, o que aumentou as preocupações com a safra de 22. 

Dezembro/21 teve queda de 70 pontos, valendo 193,65 cents/lbp, março/22 registrou queda de 70 pontos, valendo 196,45 cents/lbp, maio/22 teve baixa de 65 pontos, cotado a 197,55 cents/lbp e julho/22 teve queda de 55 pontos, valendo 198,10 cents/lbp. 

Na Bolsa de Londres, o café tipo conilon também teve um dia de quedas. Novembro/21 teve queda de US$ 27 por tonelada, valendo US$ 2121, janeiro/22 registrou queda de US$ 14 por tonelada, cotado a US$ 2115, março/22 teve baixa de US$ 9 por tonelada, valendo US$ 2069 e maio/22 teve queda de US$ 8 por tonelada, valendo US$ 2048.

"O conilon estava sob pressão na segunda-feira, depois que fortes chuvas nas regiões produtoras de café do Vietnã durante o fim de semana aumentaram os níveis de umidade do solo e o potencial para maiores safras de café", comenta o Barchart. 

No Brasil, o mercado físico manteve a estabilidade nas principais praças de comercialização do país. 

O tipo 6 bebida dura bica corrida teve alta de 0,91% em Poços de Caldas/MG, valendo R$ 1.110,00, Varginha/MG teve alta de 0,88%, cotado a R$ 1.150,00. Guaxupé/MG manteve a estabilidade por R$ 1.127,00, Patrocínio/MG manteve por R$ 1.145,00, Araguarí/MG manteve por R$ 1.120,00, Campos Gerais/MG por R$ 1.122,00 e Franca/SP por R$ 1.150,00.

O tipo cereja descascado teve alta de 0,80% em Poços de Caldas/MG, valendo R$ 1.260,00, Varginha/MG teve alta de 0,85%, valendo R$ 1.190,00. Guaxupé/MG manteve a estabilidade por R$ 1.200,00, Patrocínio/MG por R$ 1.190,00 e Campos Gerais/MG por R$ 1.182,00.

>>> Veja mais cotações aqui

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário