Exportação brasileira de café em fevereiro foi de 2,2 milhões de sacas

Publicado em 08/03/2010 13:46 943 exibições

As exportações brasileiras de café no mês de fevereiro foram de 2.228.371 sacas, para uma receita de US$ 361 milhões. Os números do balanço do segundo mês do ano foram divulgados pelo Conselho de Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), que apontou decréscimo de 15% no volume vendido em relação ao mesmo período em 2009 (2.624.655 sacas). Na receita, entretanto, o balanço aponta ganho de 1,1% em relação a fevereiro do ano passado (US$ 357 milhões).<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

 

Ao analisar a performance do período devem ser levados em conta alguns aspectos: devido à bianualidade da cultura (o ano-safra se encerra em junho), o volume produzido no país foi menor.

 

O balanço do Cecafé também inclui a participação percentual por qualidade nos volumes de café comercializados. Em fevereiro, o arábica respondeu por 89% de tudo o que foi vendido, enquanto o solúvel ficou com 10%, e o robusta com 1%,

 

No acumulado dos últimos doze meses, o país já comercializou 30.099.092 sacas de café, correspondentes a uma receita de US$ 4.334.020.

 

Os maiores compradores do produto nacional continuam sendo a Alemanha, com 979.624 sacas de café (contra 939.553 no mesmo período do ano passado), os Estados Unidos, com 796.014 sacas (contra 763.461 em 2009), a Itália com 476.638 (com queda em relação a 2009, quando comprou 560.408 sacas) e da mesma forma em relação ao Japão, com 340.492 sacas (que em 2009 comprou 387.564 sacas no período).

 

O quinto mercado comprador é a Bélgica, que apresentou uma queda de quase 28% nas compras (402.784 sacas em 2009, contra 290.025 este ano).

Sexta colocada no ranking dos maiores compradores do café brasileiro, a Rússia adquiriu entre janeiro e fevereiro 142.255 sacas do produto, um aumento de 203,74% em relação a 2009 (46.835 entre janeiro e fevereiro) 

 

Os principais portos de embarque foram Santos, com uma participação de 75,8% no volume embarcado (3.573.914 sacas), Vitória, com 11,9% (562.786), e o Rio de Janeiro, com 9,8% (463.902).

Clique aqui e veja o relatório.

Tags:
Fonte:
CeCafé

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário