Cotação do frango vivo cai no SC; Boi gordo e suíno vivo tem dia estável

Publicado em 19/11/2015 06:56

Boi Gordo: Redução das vendas de carne favorece a retração nos preços ofertados pelos frigoríficos

Por Alex Santos Lopes da Silva, zootecnista da Scot Consultoria

As compras acima da referência acontecem em boa parte das praças pecuárias do país.

Em São Paulo, porém, as indústrias que ofertavam R$149,00/@ à vista, recuaram a fim de não puxar o mercado para cima e resistem em pagar esses valores, ocorrendo somente com boiadas provenientes de lotes maiores e mais próximas da planta frigorífica.

A redução das vendas de carne nesse período do mês favorece a retração dos compradores.

Porém, apesar disso, as ofertas no estado estão alinhadas, não há muita variação de preços. O cenário é de, no mínimo, estabilidade.

Essa descrição se aplica a grande parte das praças pecuárias do país.

A boiada de pasto, de começo de safra, ainda não chegou às indústrias e, em alguns estados, não devem aparecer tão cedo. 

As chuvas não atingiram o país de forma regular. No norte do Tocantins e de Minas Gerais a situação é ainda de seca. Em Goiás e Mato Grosso, somente algumas regiões tiveram bom volume de chuvas.

No mercado atacadista de carne bovina, preços estáveis e tendência de queda, típico da segunda quinzena do mês.

Frango Vivo: Santa Catarina tem baixa de preços nesta 4ª feira

Por Sandy Quintans

Nesta quarta-feira (18), os preços para o frango vivo registraram uma baixa em Santa Catarina. No Sul Catarinense, as cotações cederam 2,42%, em que a referência passa a ser R$ 2,02 pelo quilo do vivo. Nas demais regiões, o cenário é de preços estáveis, em que São Paulo mantém a referência a R$ 3,10/kg e Minas Gerais a R$ 3,35/kg.

De acordo com informações da Scot Consultoria, as compras estão ocorrendo de acordo com as necessidades. “As indústrias estão atentas para não acumularem estoques”, aponta o boletim.

Cenário Externo

Nesta semana, a China e o México habilitaram novas plantas exportadoras de carne de frango. As autoridades chinesas divulgaram duas unidades de aves, enquanto para o país mexicano foram autorizados 15 frigoríficos. 

Segundo informações da ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal), as habilitações aconteceram após as missões em ambos os países, que contaram com o apoio do Ministério da Agricultura. “Estamos neste trabalho há tempo.  A forte negociação da Ministra Kátia Abreu e da equipe do ministério tornaram mais rápida a conclusão deste processo.  Com isto, estamos convictos de que, em breve, teremos o anúncio de outras habilitações”, destaca o presidente da ABPA, Francisco Turra.

Suíno Vivo: Depois de altas em algumas regiões, preços ficam estáveis nesta 4ª feira

Por Sandy Quintans

Nesta quarta-feira (18), os preços para o suíno vivo encerraram estáveis nas principais praças de comercialização. Nesta semana, algumas regiões apresentaram alta na referência de preços para os próximso dias, como São Paulo, Minas Gerais e Goiás. Já em Mato Grosso, o cenário foi de baixa nas cotações.

Segundo informações da Scot Consultoria, a expectativa para a semana é de preços firmes, mas com a chegada da segunda quinzena do mês, novas baixas não são descartadas. Além disso, os atuais patamares estão bem abaixo aos praticados há um ano, em que em São Paulo a diferença é de uma queda de 22,8%.

Por outro lado, o poder de compra do suinocultor paulista apresentou melhora na última semana. Com o aumento de 1,3%, é possível comprar 7,68 quilos de milho para cada quilo de suíno.

Mercado externo

Nesta semana, a China divulgou a habilitação de importação de produtos de duas novas plantas de suínos do Brasil, além de carne de frango. As duas unidades frigoríficas são de Santa Catarina. Segundo a ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal) atualmente seis frigoríficos possuem autorização para exportar carne suína para o país.

“Estamos neste trabalho há tempo.  A forte negociação da Ministra Kátia Abreu e da equipe do ministério tornaram mais rápida a conclusão deste processo.  Com isto, estamos convictos de que, em breve, teremos o anúncio de outras habilitações”, destaca o presidente da ABPA, Francisco Turra.

 

Tags:
Fonte:
Notícias Agrícolas + Scot

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário