Aumento de chuvas em março piorou a situação do embarque de grãos nos portos brasileiros

Publicado em 21/03/2013 14:50 416 exibições
Desde que começou o escoamento da safra brasileira de grãos, a falta de infra estrutura nas rodovias e portos do país ficou exposta. As filas de caminhões nas estradas, principalmente do Centro-Oeste, e na entrada do Porto de Santos são enormes e atrapalham o fluxo de veículos. Além disso, os trajetos entre as fazendas e os navios estão mais demorados, com fretes mais caros, o que traz prejuízos para toda cadeia produtiva de alimentos do Brasil.

A estrutura de transporte não estava preparada para a super safra de grãos nacional e neste mês outro fator agravou o problema das exportações: a chuva. Os embarques feitos a granel são ao ar livre e não podem ser realizados com tempo chuvoso. Em março a passagem de frentes frias entre o Sul e Sudeste aumentou os dias e o volume de chuva registrado nos portos dessas regiões, o que dificultou o trabalho.

Confira a notícia na íntegra no site do Jornal do Tempo

Tags:
Fonte:
Jornal do Tempo

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário