Tempo: MS tem acumulados de até 200 mm neste mês de outubro e mais chuvas são previstas

Publicado em 11/10/2018 11:34 e atualizado em 15/10/2018 08:53
1479 exibições

Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quinta-feira (11) - Fonte: Inmet
Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quinta-feira (11) - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

Os últimos dias têm sido de chuvas intensas sobre diversas áreas do Centro-Sul do Brasil. Segundo a Climatempo, a chuva cai forte, principalmente, sobre o Sul e Leste de Mato Grosso do Sul desde o começo de outubro e algumas áreas já acumulam precipitações de até 200 milímetros. Mais chuvas são previstas.

Também são previstos altos acumulados de chuva em áreas do estado de São Paulo mais próximas ao litoral e na divisa com o Rio de Janeiro. São esperadas precipitações entre 20 a 30 mm/h ou até 50 mm/dia. No entanto, é baixo o risco de alagamentos e pequenos deslizamentos, em cidades com tais áreas de risco.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (12/10 a 14/10) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 72 horas (12/10 a 14/10) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

De acordo com mapas do Inmet, nos últimos dez dias, muita chuva acumulada atingiu a faixa Centro-Sul do Brasil. Em algumas áreas de Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná e Santa Catarina, os acumulados no período chegam a até 200 milímetros. Enquanto isso, uma condição mais seca é vista em áreas mais centrais e no Norte e Nordeste.

Em Caarapó (MS), o Inmet registrava aproximadamente 280 mm de chuva acumulados em outubro, até o começo da manhã do dia 10. Em Ponta Porã (MS), já choveu cerca de 160 mm e Dourados acumulou 95 mm. Áreas centrais, Norte e Oeste do estado têm tido apenas pancadas de chuva nos últimos dias.

"O estado de Mato Grosso do Sul foi a região do país que recebeu a chuva mais volumosa entre a manhã do dia 9 e a manhã de 10 de outubro", disse a Climatempo. As precipitações em áreas do Mato Grosso do Sul superam ou estão muito próximas de superar a média do mês já nestes primeiros dias de outubro.

Veja o mapa das áreas com a precipitação acumulada nos últimos 10 dias em todo o Brasil:

Mapa das áreas com a precipitação acumulada nos últimos 10 dias em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

As precipitações previstas para as áreas do Centro-Sul devem limitar o avanço dos trabalhos de plantio da soja. Segundo Deral (Departamento de Economia Rural), os trabalhos no Paraná avançaram para 38%. A semeadura do milho de primeira safra, o chamado "milho verão", atingiu 79%, de acordo com dados da entidade.

Segundo boletim da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária), em três semanas, o plantio da soja em Mato Grosso do Sul alcançou 13,9% dos 2,840 milhões de hectares esperados para a safra 2018/2019. Ou seja, aproximadamente 394.760 hectares semeados até o momento.

Leia mais:
» Em três semanas, plantio da soja avança 13% em Mato Grosso do Sul

Mapas estendidos do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), nos Estados Unidos, mostram a tendência de chuvas pouco generalizadas sobre a faixa central do país entre 11 e 19 de outubro. As chuvas ficam mais restritas ao Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.

Colheita de trigo no sítio Santa Rita em Chopinzinho (PR). Envio de Cleodi Magiero
Colheita de trigo no sítio Santa Rita em Chopinzinho (PR). Envio de Cleodi Magiero

Soja recém germinada nas lavouras de Ivo Rusgoski e Família em São João do Triunfo (PR). Envio de
Soja recém germinada nas lavouras de Ivo Rusgoski e Família em São João do Triunfo (PR)

Lavoura de trigo danificada por causa de excesso de chuvas na Instância Irber em Pranchita (PR). Envio de Josy Cagol
Lavoura de trigo danificada por causa de excesso de chuvas na Instância Irber em Pranchita (PR). Envio de Josy Cagol​

Envie sua foto ou vídeo! Fale com a gente pelo WhatsApp (19) 99767-0241

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário