Tempo: Temperatura cai até 5°C a partir desta 4ª no Sul do BR e geadas não estão descartadas

Publicado em 19/03/2019 11:11 e atualizado em 19/03/2019 14:44
3174 exibições

Imagem de satélite de todo o Brasil nesta terça-feira (19) - Fonte: Inmet
Imagem de satélite de todo o Brasil nesta terça-feira (19) - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

Enquanto as chuvas tomam a faixa central do país, uma condição mais firme é prevista para os próximos dias em áreas do Sul do Brasil, segundo mostram mapas de precipitação. Sem instabilidades, as temperaturas caem na região e geadas isoladas não estão descartadas.

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), inclusive, emite alerta de declínio de temperatura em toda a região Sul a partir desta quarta-feira (20) e o cenário deve perdurar pelo menos até sexta-feira (22). "Leve risco à saúde. Declínio entre 3ºC e 5ºC", destacou.

Veja o mapa das áreas com declínio de temperatura a partir de 4ª:

Mapa das áreas com declínio de temperatura a partir de 4ª - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Planalto Norte Catarinense, Campanha, Metropolitana De Curitiba, Oeste Catarinense, Vale Do Itajai, Grande Florianópolis, Planalto Sul Catarinense, Litoral Sul Catarinense, Encosta Do Sudeste, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Encosta Inferior Do Nordeste, Encosta Superior Do Nordeste, Campos De Cima Da Serra, Planalto Médio, Missões, Alto Uruguai, Central Paranaense, Litoral Paranaense, Norte Paranaense, Oeste Paranaense, Sudoeste Paranaense, Sul Paranaense, Litoral Gaúcho, Meio-Oeste Catarinense, Litoral Norte Catarinense

Apesar dos três estados da região Sul do país entrarem em alerta de perigo potencial com o frio nos próximos dias, os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina é que pode ter o risco de geadas nos próximos dias em áreas da Serra gaúcha não está descartado.

"Embora muito pontuais e de forma fraca, pode haver essa ocorrência [geada] nos pontos mais altos, na Serra Catarinense e na Serra Nordeste do Rio Grande do Sul", disse Naiane Araújo, meteorologista do Inmet, em entrevista ao Notícias Agrícolas.

Veja mais:
» Corredor de umidade favorece chuvas sobre faixa central do BR durante a semana; Sul terá tempo mais firme

Veja o mapa com a previsão de temperatura mínima para até 174 horas (19/03 a 26/03) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de temperatura mínima para até 174 horas (19/03 a 26/03) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Antes das precipitações cessarem, a região Sul recebeu até esta segunda-feira (18) altos volumes de chuva com uma frente fria, que agora avança para o oceano, e a circulação dos ventos em médios e altos níveis da atmosfera. Os volumes mais expressivos caíram sobre o Rio Grande do Sul.

No domingo, por exemplo, a cidade de Tupanciretã (RS) chegou a registrar 174 milímetros em apenas 24 horas. Já nesta segunda, os três maiores acumulados em todo o país, segundo o Inmet, foram registrados em Bertiga (SP): 103,6 mm, Foz do Iguaçu (PR): 95,6 mm e Cruz Alta (RS): 80,5 mm.

Veja o mapa com a precipitação acumulada nos últimos 3 dias no Brasil:

Mapa com a precipitação acumulada nos últimos 3 dias no Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Produtores devem estar atentos com as condições do tempo no Sul, principalmente por conta da finalização da colheita da soja. No Paraná, segundo o Deral (Departamento de Economia Rural) do estado, os trabalhos atingiram, até o dia 11 de março, 66% da área total colhida.

Cerca de 91% do milho 2ª safra estava plantado no estado, com favorecimento das condições climáticas para o desenvolvimento. Já no Rio Grande do Sul, apenas 15% da safra de soja havia sido colhida até 28 de fevereiro, 25% estava por colher e 54% em enchimento, segundo a Emater/RS-Ascar.

As chuvas nos próximos sete dias devem ficar mais concentradas em áreas centrais do país, segundo aponta o mapa de precipitação acumulada do Inmet para o período. Áreas de Mato Grosso, Goiás e do Matopiba terão bons acumulados. No Sul, apenas partes do Paraná é que terão chuvas mais consistentes.

Veja o mapa de precipitação acumulada dos próximos 7 dias no Brasil:

Mapa de precipitação acumulada dos próximos 7 dias no Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Ainda de acordo com o Inmet, nesta terça-feira, há alerta de chuvas intensas em áreas dos estados de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e São Paulo.

Previsão estendida de chuvas para o Brasil

De acordo com o mapa de previsão estendida do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), no período de 19 até 27 de março, as chuvas mais volumosas caem sobre áreas da faixa Centro-Norte do país.

De 27 de março até 04 de abril, as precipitações ainda se concentram sobre áreas do Centro-Norte do Brasil, mas áreas do Centro-Oeste, Sudeste e Sul tem uma condição mais seca.

Veja o mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 19 de março até 04 de abril:

Mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 19 de março até 04 de abril - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

Do plantio à colheita, ao recebimento de grãos, trabalhando juntos. Nova Ramada/RS
Do plantio à colheita, ao recebimento de grãos, trabalhando juntos. Nova Ramada/RS

Milho Segunda Safra consorciado com Brachiária - Sítio Ferreira - Corbélia - PR... envio Eng. Agr. Marcos Andre Simon
Milho Segunda Safra consorciado com Brachiária - Sítio Ferreira - Corbélia - PR... envio Eng. Agr. Marcos Andre Simon

Milho Segunda Safra, Fam. Bortolato - Corbélia - PR... Envio: Eng. Agr. Marcos Andre Simon
Milho Segunda Safra, Fam. Bortolato - Corbélia - PR... Envio: Eng. Agr. Marcos Andre Simon

Soja dos Produtores Henrique e Cristina Prass - Quinze de Novembro/RS
Soja dos Produtores Henrique e Cristina Prass - Quinze de Novembro/RS

Envie sua foto ou vídeo! Fale com a gente pelo WhatsApp (19) 99767-0241

» Clique e veja mais informações a página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário