Tempo: Frente fria avança sobre áreas da BA e SE com risco de chuvas fortes nesta 4ª; frio segue no Centro-Sul

Publicado em 05/06/2019 11:17 e atualizado em 05/06/2019 12:51
1128 exibições
Há possibilidade de recorde de frio no Centro-Sul durante o dia

Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quarta-feira (05) - Fonte: Inmet
Imagem de satélite de todo o Brasil nesta quarta-feira (05) - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

Uma frente fria avança sobre áreas dos estados da Bahia e Sergipe a partir desta quarta-feira (05) e pode provocar chuva forte ao longo do dia. Elas devem, inclusive, acontecer acompanhadas de ventos intensos.

"Este sistema tem potencial para provocar chuva forte, com raios e ventania em vários locais do litoral dos dois estados. A chuva pode causar problemas em Salvador e em Aracaju nos próximos dias", destaca a Climatempo.

Ainda segundo a empresa meteorológica, as demais áreas do litoral Leste do Nordeste têm previsão ao longo do dia de pancadas de chuva de curta duração e sem expectativa de raios.

Veja o mapa com a previsão de precipitação para até 93 horas (06/06 a 08/06) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação para até 93 horas (06/06 a 08/06) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Tanto o modelo Cosmo do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) quanto as previsões da Climatempo apontam que as chuvas devem seguir pelos próximos dias nas áreas litorâneas da Bahia e Sergipe, inclusive com alertas.

"A situação é de alerta para o grande aumento da chuva. As duas capitais [Salvador e Aracaju] podem ter problemas com alagamentos durante a quinta-feira", destacou a Climatempo. A temperatura fica mais baixa.

Os ventos vão ser fortes na costa Leste do Nordeste nos próximos dias. "O mar fica bastante agitado e os navegantes devem redobrar os cuidados, além de ter atenção com os avisos da Marinha", informou a Climatempo.

O mapa de precipitação acumulada do Inmet mostra que nas últimas 24 horas as chuvas mais volumosas pelo país estavam mais concentradas em áreas do Norte e também no Sudeste. Agora há o retorno para pontos do Norte.

Veja o mapa de precipitação acumulada nas últimas 24 horas em todo o Brasil:

Mapa de precipitação acumulada nas últimas 24 horas em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Dados de chuva acumulada desta quarta-feira apontam que já começou a chover na Bahia. Até às 10h, Boa Vista (RR) tinha 36,8 mm, Fonte Boa (AM): 19 mm, Caracarai (RR): 14 mm, Canavieiras (BA): 13,1 mm e Manicore (AM): 11,2 mm.

Enquanto as chuvas retornam para áreas do Nordeste, uma condição mais firme é esperada para a maior parte do país. Nos próximos sete dias, as precipitações mais volumosas estão previstas para pontos do Norte e litoral do Nordeste.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para os próximos sete dias:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para os próximos sete dias - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Frio continua sobre Centro-Sul do Brasil

O frio continua sobre o Centro-Sul do Brasil e há possibilidade de que esta quarta-feira seja de recorde de frio por conta da atuação da grande e forte massa de ar frio, que já tem derrubado as temperaturas.

Veja o mapa com a previsão de temperatura mínima para até 93 horas (05/06 a 08/06) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de temperatura mínima para até 93 horas (05/06 a 08/06) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Segundo levantamento do Centro de Informação de Recursos Ambientais e Hidrometeorologia (Epagri/Ciram), de Santa Catarina, pelo menos duas cidades no estado tiveram mínimas abaixo de zero no amanhecer desta quarta-feira.

Em Urubici, foi registrado -0,3°C e em São Joaquim -0,5°C. Teve inclusive registro de geada com frio. Até o momento não há informações de danos com geadas em lavouras do Sul do país.

O Inmet emitiu alerta de declínio de temperatura nesta quarta-feira, com perigo potencial, em áreas do Espírito Santo e Minas Gerais. Também esperada baixa umidade em pontos de Goiás, Mato Grosso e Tocantins.

Previsão estendida de chuvas para o Brasil

De acordo com o mapa de previsão estendida do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), no período de 05 até 13 de junho, as chuvas mais volumosas caem sobre áreas da faixa Norte do país e um cenário de tempo firme segue sobre a maior parte do país.

De 13 de junho até 21 de junho, as precipitações mais volumosas voltam a se concentrar sobre áreas ao extremo Norte, mas começam a aparecer masi volumosas sobre o extremo Sul do país. Ainda assim, p tempo permanece firme sobre a maior parte do país também neste período.

Veja o mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 05 até 21 de junho:

Mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 05 até 21 de junho - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

Amigo do campo vistoriando lavoura de aveia ao entardecer no município Quatro Pontes (PR). Envio de Fábio Roweder
Amigo do campo vistoriando lavoura de aveia ao entardecer no município Quatro Pontes (PR). Envio de Fábio Roweder

Milho Fazenda Alaska em Formosa do Rio Preto (BA). Envio Mauro Adriano
Milho Fazenda Alaska em Formosa do Rio Preto (BA). Envio Mauro Adriano

Foto do Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro
Foto do Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro

Foto do Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro
Foto do Rio Verde (GO). Envio de Alex Zamonaro

Cultura de trigo na região de Astorga. Envio de Luiza Berto de Lima
Cultura de trigo na região de Astorga. Envio de Luiza Berto de Lima

Envie sua foto ou vídeo! Fale com a gente pelo WhatsApp (19) 99767-0241

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícia Agrícolas

Nenhum comentário