Tempo: Sul do BR tem alerta de tempestades e possibilidade de granizo nesta 4ª feira

Publicado em 02/10/2019 11:01 e atualizado em 02/10/2019 11:50
1790 exibições
Aviso também durante o dia de chuvas em áreas da BA, SP, GO, MT, RO e TO

Imagem de satélite nesta quarta-feira (02) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Imagem de satélite nesta quarta-feira (02) em todo o Brasil - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

Áreas da região Sul do Brasil terão mais um dia de temporais e chuva volumosa nesta quarta-feira (02), principalmente sobre o Rio Grande do Sul, com condições de granizo e vento forte. Também podem ocorrer danos com enchentes e queda de árvores.

"Áreas de instabilidade associadas a um sistema de baixa pressão que atuam no Rio Grande do Sul espalham nuvens muito carregadas sobre o estado. Nesta quarta-feira, a situação é de perigo", segundo alertam meteorologistas da Climatempo sobre o dia.

Ainda de acordo com a empresa meteorológica, as áreas de instabilidade ainda devem ao longo do dia provocar bastante chuva sobre a fronteira gaúcha. A região já registrou precipitações e ventos intensos nas últimas horas.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 93 horas (03/10 a 05/10) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 93 horas (03/10 a 05/10) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Nas últimas 24 horas, segundo dados do Inmet, os cinco maiores acumulados na região Sul foram nas cidades de Santa Vitória do Plamar (RS): 19,2 mm, Rancho Queimado (SC): 15,3 mm, Bom Jardim da Serra (SC): 3,4 mm, Jaguarão (RS): 2,6 mm e Ituporanga (SC): 0,8 mm

"A chuva cai intensa e vem acompanhada de muitas descargas elétricas em Bagé, Santa Maria, Uruguaiana e São Luiz Gonzaga", destacou a Climatempo. Nas demais áreas, incluindo a capital Porto Alegre, o risco é de temporais durante esta quarta.

Nas demais áreas do Sul, segundo a empresa meteorológica, incluindo a serra do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, interior catarinense e paranaense, o dia deve ser de sol, mas o risco é alto de chuva moderada a forte, com raios e rajadas.

Veja o mapa das áreas com alerta de tempestade nesta 4ª feira:

Mapa das áreas com alerta de tempestade nesta 4ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Campanha, Oeste Catarinense, Planalto Sul Catarinense, Litoral Sul Catarinense, Encosta Do Sudeste, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Encosta Inferior Do Nordeste, Encosta Superior Do Nordeste, Campos De Cima Da Serra, Planalto Médio, Missões, Alto Uruguai, Oeste Paranaense, Sudoeste Paranaense, Litoral Gaúcho, Meio-Oeste Catarinense

Veja o mapa das áreas com alerta de tempestade nesta 4ª feira:

Mapa das áreas com alerta de tempestade nesta 4ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Campanha, Encosta Do Sudeste, Serra Do Sudeste, Depressão Central, Missões, Litoral Gaúcho

O Inmet também emitiu alerta de tempestade para áreas da região Sul do Brasil, incluindo pontos de todos os estados. Além das chuvas, o Rio Grande do Sul também tem alerta de declínio de temperatura entre 3ºC e 5ºC.

"Chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 Km/h), e queda de granizo. Risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos", disse o instituto meteorológico.

"Em Florianópolis e na região de Ijuí, no Paraná, fz sol durante o dia e a chuva chega a noite com raios e ventos. No Vale do Itajaí, em Curitiba e no litoral do Paraná, o sol predomina e não chove", disse a Climatempo.

Veja o mapa de precipitação acumulada para os próximos 7 dias em todo o Brasil:

Mapa de precipitação acumulada para os próximos 7 dias em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Nos próximos dias, a circulação dos ventos deve manter as áreas de instabilidade ativas sobre a maior parte da região Sul. "As nuvens carregadas se espalham sobre o leste de Santa Catarina e do Paraná", destacou a Climatempo.

O mapa de precipitação acumulada dos próximos sete dias para todo o Brasil mostra chuvas sobre a maior parte do país, mas com volumes fracos a moderados. Os maiores acumulados ficam sobre pontos das regiões Norte e Sul do país no período.

Ainda nesta quarta-feira, segundo o Inmet, também há alerta durante o dia de baixa umidade em áreas de MG e SP, além de acumulado de chuva em áreas da BA e SP, chuvas intensas em GO, MT, RO e TO.

Previsão estendida de chuvas para o Brasil

O mapa de previsão estendida do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), no período de 02 de outubro até 10 de outubro, mostra chuvas sobre a maior parte do país, mas com os maiores volumes no Norte, Leste do Centro-Oeste, Sul e partes do Sudeste.

De 10 até 18 de outubro, as chuvas seguem sobre a maior parte do país, mas já diminuem em determinadas áreas, principalmente na região Nordeste e centro do país. Os maiores acumulados no período deverão se concentrar sobre áreas da região Norte do país e pontos do Sul brasileiro.

Veja o mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 02 de outubro até 18 de outubro:

Mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 02 de outubro até 18 de outubro - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

Lavoura de trigo Produtor Rural Juliano de Souza Carmo em Pontão (RS).
Lavoura de trigo Produtor Rural Juliano de Souza Carmo em Pontão (RS).

Lavoura de trigo Produtor Rural Juliano de Souza Carmo em Pontão (RS).
Lavoura de trigo Produtor Rural Juliano de Souza Carmo em Pontão (RS).

Lavouras à espera da florada em São Pedro da União (MG) . Envio de Fernando Barbosa.
Lavouras à espera da florada em São Pedro da União (MG) . Envio de Fernando Barbosa.

Lavouras à espera da florada em São Pedro da União (MG) . Envio de Fernando Barbosa.
Lavouras à espera da florada em São Pedro da União (MG) . Envio de Fernando Barbosa.

Clique e envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolas e @jornalistadotempo ou use as hashtags #jornalistadotempo ou #imangensdodia

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião | Instagram @jornalistadotempo
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário