Tempo: Chuvas avançam nesta 3ª feira e chegam em áreas da região Centro-Oeste e Matopiba

Publicado em 22/10/2019 09:58 e atualizado em 22/10/2019 11:22
1482 exibições

Imagem de satélite nesta terça-feira (22) em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Imagem de satélite nesta terça-feira (22) em todo o Brasil - Fonte: Inmet

LOGO nalogo

O tempo mudou no Centro-Sul do Brasil. Depois de chuva em áreas do Sul e Sudeste, esta terça-feira (22) será de muitas instabilidades sobre o Centro-Oeste do país. O Inmet (Insituto Nacional de Meteorologia), inclusive, emitiu alertas para a região.

"Uma massa de ar polar avança sobre o Mato Grosso do Sul nesta terça-feira, 22 de outubro,  e afasta as nuvens carregadas e chuva do estado nos próximos dias. Mas as demais áreas do Centro-Oeste ainda devem ter bastante instabilidade e risco de temporais", destaca a Climatempo.

Veja o mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 93 horas (23/10 a 25/10) em todo o Brasil:

Mapa com a previsão de precipitação acumulada para até 93 horas (23/10 a 25/10) em todo o Brasi - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

O Inmet emitiu alerta de acumulados e chuvas intensas nesta terça-feira para áreas dos estados de Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Piauí, Rondônia e Tocantins. Apenas em Amazonas é que são esperadas chuvas intensas e acumulados.

"Chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 Km/h). Baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas", destacou o Inmet sobre a previsão de chuvas intensas.

Veja o mapa das áreas com alerta de chuvas intensas nesta 3ª feira:

Mapa das áreas com alerta de chuvas intensas nesta 3ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Distrito Federal, Sudoeste Rondonense, Alto Madeira, Sul Amazonense, Centrossul Mato-Grossense, Nordeste Mato-Grossense, Norte Mato-Grossense, Sudeste Mato-Grossense, Sudoeste Mato-Grossense, Centro Goiano, Leste Goiano, Sul Goiano, Norte Goiano, Noroeste Goiano, Jalapão, Norte Tocantinense, Sudeste Tocantinense, Sul Tocantinense, Oeste Tocantinense, Centro Tocantinense, Sudeste Rondonense

Veja o mapa das áreas com alerta de chuvas intensas nesta 3ª feira:

Mapa das áreas com alerta de chuvas intensas nesta 3ª feira - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

Aviso para as áreas: Sudeste Piauiense, Sudoeste Piauiense, Oeste Baiano, São Francisco Baiano

A empresa meteorológica destaca ainda que os próximos dias devem seguir instáveis sobre áreas de Mato Grosso, Distrito Federal e Goiás, apesar de as temperaturas entrarem em elevação. Na quarta (23), já não há previsão de chuva para MS e áreas de fronteira no MT.

"O centro-norte de Goiás, o Distrito Federal e o nordeste de Mato Grosso vão ter chuva a qualquer hora e muitas nuvens durante esta próxima quarta-feira, com risco de chuva forte e poucos períodos de sol", destaca a Climatempo.

Nas outras áreas da região, são esperadas pancadas de chuva frequentes até o final da semana. "Já em Mato Grosso do Sul,  as pancadas de chuva recomeçam no norte do estado a partir da tarde de sexta, 25 de outubro, e no sábado deve chover em quase todo o estado", diz a empresa.

As chuvas também avançar ao longo desta terça-feira para áreas do Centro-Norte do país. O tempo já mudou, inclusive, em áreas da Bahia, Maranhão e Piauí. Pancadas de chuva de até forte intensidade foram registradas e a previsão para os próximos dias é de mais chuvas, segundo a Climatempo.

"Uma mudança na circulação dos ventos em vários níveis da atmosfera e a passagem de uma frente fria pelo sul da Bahia estimulam a formação de nuvens carregadas sobre estes estados", destaca a empresa meteorológica.

O mapa de preicipitação acumulada do Inmet das últimas 24 horas mostra que as chuvas mais volumosas no país ocorreram sobre a região Sul, pontos do Sudeste, Centro-Oeste e Norte. No entanto, a maior parte do Brasil, incluindo grandes faixas do Norte, Nordeste e Centro-Oeste não houve chuva.

Veja o mapa de precipitação acumulada das últimas 24 horas em todo o Brasil:

Mapa de precipitação acumulada das últimas 24 horas em todo o Brasil - Fonte: Inmet
Fonte: Inmet

O retorno das chuvas em áreas produtoras, ainda que de forma irregular, ameniza as preocupações de produtores de soja que já cogitavam o replantio da oleaginosa por conta das condições climáticas adversas, principalmente no Paraná. No estado, algumas áreas já retomaram o plantio.

Informações apuradas pelo Commodity Weather Group (CWG) mostram que, nas últimas 72 horas, cerca de 40% a 45% da área de soja foi alcançada pelas chuvas, ainda muito irregulares e de volumes limitados. Foram precipitações variando entre 12,7 e 44,45 mm, com alguns registros locais chegando a 88,9 mm.

"O final de semana foi chuvoso no Centro-Sul do Brasil, mas há ainda faltas de umidade no leste e norte do Paraná, centro e leste de São Paulo e noroeste do Mato Grosso do Sul", diz o CWG. "E as previsões mostram a chegada das chuvas em mais áreas que sofrem com seca na próxima semana", diz o instituto meteorológico internacional.  

Previsão estendida de chuvas para o Brasil

No período de 22 até 30 de outubro, o mapa de previsão estendida do centro de previsão da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês), mostra que chuvas devem ser vistas sobre a maior parte do país. Pontos do Nordeste e Centro-Oeste têm baixos volumes.

Entre 30 de outubro até 07 de novembro, as precipitações devem continuar sobre a maior parte do país, mas altos volumes se concentram sobre pontos do Sudeste e Centro-Oeste. Áreas da região Nordeste ficam mais secas do que no período anterior.

Veja o mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 22 de outubro até 07 de novembro:

Mapa com a tendência de precipitação acumulada para o período de 22 de outubro até 07 de novembr - Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA
Fonte: National Centers for Environmental Prediction/NOAA

Foto em Santa Rosa del Monday - Paraguai. Envio de Leonardo Kunrath.
Foto em Santa Rosa del Monday - Paraguai. Envio de Leonardo Kunrath.

Efeito de forte chuva de pedras em Caseiros (RS). Envio de Anderson Vizentin
Efeito de forte chuva de pedras em Caseiros (RS). Envio de Anderson Vizentin

Ontem à tarde na Fazenda, 60 mm, em Rio Verde (GO). Envio de Vanderlei Secco
Ontem à tarde na Fazenda, 60 mm, em Rio Verde (GO). Envio de Vanderlei Secco

Milho plantado na propriedade da família Canali em Correia Pinto (SC). Envio de Jean Carlos
Milho plantado na propriedade da família Canali em Correia Pinto (SC). Envio de Jean Carlos

Clique e envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolas e @jornalistadotempo ou use as hashtags #jornalistadotempo ou #imangensdodia

» Clique e veja mais informações na página de Clima e acompanhe cinco satélites em tempo real

Por: Jhonatas Simião
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário