Alerta de chuvas intensas para o Centro-Oeste; condição avança e chuvas chegam no Sul

Publicado em 26/11/2019 10:18
1722 exibições

LOGO nalogo

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de temporais e chuvas intensas para a região Centro-Oeste do país. Segundo o alerta, além de chuvas com volumes expressivos, também há condições para ventos intensos em pontos do Mato Grosso, Goiás, Tocantins e Distrito Federal. 

Segundo a Climatempo, uma queda de pressão atmosférica entre o Brasil e o Paraguai, atuando junto com a grande disponibilidade de ar úmido e quente, estimula a formação de nuvens carregadas. "Nesta terça-feira, o alerta é para temporais isolados em todo o estado de Goiás, centro-leste de Mato Grosso e na maioria das áreas do Mato Grosso do Sul. A chuva pode vir de forma volumosa e em pouco tempo. Na região de Ponta Porã, as rajadas de vento podem variar entre 80 a 100km/h", afirma a Climatempo. 

O modelo Cosmo do Inmet indica que chove em toda a região Centro-Oeste nesta terça-feira (26). Segundo os mapas, nas próximas 24 horas os volumes de precipitação devem ficar entre 12 e 20 milímetros em todo o Mato Grosso. Os mesmos volumes são esperados pelo Tocantins. 

As precipitações tendem a ficar mais expressivas na quarta-feira (27), quando a frente fria que está atuando na região Sul do país avança e chega na região central. Dia 27 os volumes ficam mais significativos no Mato Grosso, sobre tudo na área sul do estado onde os volumes devem ficar entre 40 e 60 milímetros. 

O avanço da frente fria também deve atingir o Goiás, onde continuará chovendo e com volumes expressivos para a maior parte do estado. São esperadas precipitações entre 30 e 40 milímetros. Já no Tocantins os volumes mais expressivos devem ficar no centro do estado, também entre 30 e 40 mm. Nas próximas 48 horas as chuvas também voltam ao Mato Grosso do Sul, com bons volumes previstos para todo o estado. De acordo com o Cosmo, as precipitações tendem a ficar entre 20 e 40 milímetros. 

Veja o mapa de precipitação para as próximas 93 horas em todo o Brasil:

93 horas - Inmet
Fonte: Inmet
 

Condição formada entre Argentina e Uruguai avança e chuvas fortes chegam na região Sul 

Confirmando as previsões, a formação de uma frente fria entre os países vizinhos, Argentina e Uruguai, avança ao Brasil e chuvas expressivas chegam na região sul do país, sobretudo no Rio Grande do Sul nesta terça-feira.  A condição deve fazer com que as áreas de instabilidade aumentem na região, podendo também trazer possibilidade de chuvas de granizo. 

No extremo sul do Rio Grande Sul são esperados os volumes mais expressivos nas próximas 24 horas. De acordo com o modelo Cosmo, são previstas chuvas de até 70 milímetros de precipitação para a região. Nas demais áreas do estado, são esperados volumes entre 30 e 50 mm. 

Nas próximas 24 horas a frente tende atingir apenas o oeste de Santa Catarina, com até 40 mm de precipitação. Também chove no Paraná, mas ainda em volumes baixos. 

Na quinta-feira (28), as condições avançam e passa a chover de maneira expressivas em Santa Catarina e no Paraná. É previsto que chova em toda Santa Catarina, com volumes entre 40 e 60 milímetros, ficando os maiores volumes para oeste de Santa Catarina. 

Também deve chover em todo o estado do Paraná. Os volumes mais expressivos são esperados no sul e oeste do estado, pontos da área central e uma parte da região norte. Na região sul, são previstas precipitações de até 70 milímetros. Os mesmo volumes são esperados para região central do Paraná. 

Nas demais áreas, os volumes tendem a ficar entre 30 e 40 milímetros, sendo previstos pontos entre 40 e 60 milímetros para áreas da região norte do Paraná. 

Veja o mapa de precipitação para as 24 horas na região sul: 

Sul 48h - Inmet
Fonte: Inmet 

Veja o mapa de precipitação para as 24 horas na região sul: 

48h Inmet
Fonte: Inmet 
 

Últimas 24 horas

Nas últimas 24 horas os volumes mais expressivos de chuva foram registrados na região Sudeste e Nordeste do país. 

Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), no Sudeste os volumes foram registrados em Minas Gerais, onde choveu em todo o estado, com volumes mais elevados para região norte, ficando entre 20 e 30 milímetros de precipitação.

No Nordeste, os volumes mais expressivos foram registrados no sul da Bahia, com precipitação entre 30 e 50 milímetros. Também choveu nas regiões centro e norte do estado, com volumes entre 20 e 30 mm. 

Foram registrados pontos de chuvas mais volumosas no Goiás, nas áreas leste e central do estado, com volumes de até 20 mm de precipitação. 

Veja o mapa de precipitação acumulada nas últimas 24 horas: 

24 horas - Inmet
Fonte: Inmet 

Lavouras de soja, com falta de chuva, em Los Cedrales - Paraguay. Envio de Pedro Locatelli
Lavouras de soja, com falta de chuva, em Los Cedrales - Paraguay. Envio de Pedro Locatelli
Soja em Terenos (MS). Envio do Engenheiro Agrônomo Michael Soares
Soja em Terenos (MS). Envio do Engenheiro Agrônomo Michael Soares

Flor de um cipó em Itaiópolis (SC). Envio de Paulo Marcelo Adamek
Flor de um cipó em Itaiópolis (SC). Envio de Paulo Marcelo Adamek
Lavouras de soja, com falta de chuva, em Los Cedrales - Paraguay. Envio de Pedro Locatelli
Lavouras de soja, com falta de chuva, em Los Cedrales - Paraguay. Envio de Pedro Locatelli
 

Clique e envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do
WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolasou use a hashtag #imangensdodia

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário