Chuvas continuam no sul do Brasil e nova massa de ar frio pode derrubar as temperaturas no RS

Publicado em 09/06/2020 10:51 e atualizado em 09/06/2020 14:57 1904 exibições

LOGO nalogo

As áreas de instabilidade continuam com força e levando condição de chuvas para parte do sul do Brasil nesta terça-feira (9). Segundo a meteorologista Naiane Araújo, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a frente fria em atuação no oceano não deve ter força para avançar, porém gera áreas de instabilidade, aumentando assim as condições de chuvas para toda a região. Uma nova massa de ar frio começa aparecer no radar dos meteorologistas e as temperaturas devem cair no Rio Grande do Sul no final de semana. 

>>> Rio Grande do Sul produziu 9,3 milhões de toneladas de soja a menos do que o esperado e deixou de acumular até R$ 13 bilhões

De acordo com o modelo Cosmo do Inmet, a tendência é de chuva para todo o estado de Santa Catarina nesta terça-feira, com precipitação prevista entre 20 e 30 milímetros. Também há previsão de chuva para o extremo sul do Paraná, com chuvas de até 50 mm. As mesmas condições são previstas para o extremo norte do Rio Grande do Sul. 

Chuva registrada em Mangueirinha/PR nesta terça-feira:

A partir de quarta-feira (10), as áreas de instabilidade ganham força e os volumes ficam mais expressivos tanto no sul de Santa Catarina, como em toda a região norte do Rio Grande do Sul. Os mapas apontam previsão de até 60 milímetros de precipitação para as duas regiões. Continuam previstas chuvas para o Paraná, porém em volumes mais baixos. 

Os sistemas começam a perder um pouco de força na sexta-feira (12) e, de acordo com o Cosmo, apenas o extremo sul pode registrar chuvas neste dia, com precipitação entre 20 e 50 milímetros de precipitação. Paraná e Santa Catarina tem previsão de tempo estável a partir de sexta-feira. 

Veja o mapa de previsão de precipitação para as próximas 93 horas em todo o Brasil: 

93 horas - Inmet - 0906
Fonte: Inmet 

 

Temperaturas 

Com as áreas de instabilidade em atuação, as temperaturas minímas devem ficar entre 14 e 16 graus em toda a região sul do Brasil, minimizando assim as chances de geadas nos próximos dias. Naiane destaca, no entanto, que no fim de semana as temperaturas devem ter um declínio no Rio Grande do Sul, devido uma massa de ar frio que deve avançar para o estado. 

O modelo de temperatura prevista para domingo (14), indicam que as temperaturas minímas devem ficar entre 4 e 6 graus no sul do Rio Grande do Sul. Também são esperadas quedas nas temperaturas nas demais regiões do estado, com miníma prevista entre 8 e 10 graus. O extremo norte do estado pode ter mínima em 14 graus. A meteorologista afirma que diferente da última massa de ar frio, desta vez o sistema não deve ter forças para avançar para Santa Catarina e Paraná.

Veja o mapa de previsão de temperatura prevista para o próximo domingo (14): 

Massa de ar frio - Inmet - 0906
Massa de ar frio não deve ter força para avançar 
Fonte: Inmet 
 

Colheita das mandiocas em São Sebastião (DF). Envio de Arley Ribeiro
Colheita das mandiocas em São Sebastião (DF). Envio de Arley Ribeiro

Gergelim em Ribeirão Cascalheira (MT). Envio de Vanderlei Secco
Gergelim em Ribeirão Cascalheira (MT). Envio de Vanderlei Secco​

Lavoura de milho na região de Laguna Carapã (MS). Envio de Antônio Rodrigues Neto
Lavoura de milho na região de Laguna Carapã (MS). Envio de Antônio Rodrigues Neto​

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário