HOME VÍDEOS NOTÍCIAS DADOS DA SAFRA METEOROLOGIA FOTOS

Muita chuva com descarga elétrica no MS, frente fria no sul e tempestade tropical Mani no Sudeste

Publicado em 26/10/2020 10:19 e atualizado em 26/10/2020 11:12 6789 exibições

LOGO nalogo

As previsões mais recentes do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indicam que a semana começa com previsão de muita chuva para o Mato Grosso do Sul, com a tempestade tropical Mani em forte atuação no Sudeste, além de manter as condições de pancadas de chuva para todo o Brasil nesta semana. 

Segundo Olívio Bahia, meteorologista do Inmet, a condição de temporal no Mato Grosso do Sul colocam o estado em alerta nesta segunda-feira (26). "Além de muitas chuvas, podem ocorrer descargas elétricas em todo o estado, consequência do calor e baixa pressão na atmosfera", afirma o meteorologista.

Falando em volumes, o modelo Cosmo aponta chuvas com até 60 mm no extremo sul do Mato Grosso do Sul e precipitação entre 20 e 40 mm para as demais áreas do estado. Apenas o extremo norte deve ter chuvas com volumes mais baixos nesta segunda. "As pancadas de chuva começam desde cedo com intensidade que é potencial para alagamentos em centros urbanos e deslizamentos de terra", complementa a Climatempo. 

Já no sul do país, o avanço de uma frente fria aumenta a instabilidade no Rio Grande do Sul, dando condição de muita chuva para a região. "Por ali a instabilidade também deve avançar pelo extremo sul do estado e levar chuvas para todas áreas do RS", comenta Olívio. Em termos de volumes, o Cosmo sinaliza para precipitação de até 70 mm em algumas áreas do estado. Os modelos também indicam chuvas para Santa Catarina, com precipitação prevista entre 16 e 20 mm. 

Veja o mapa de previsão de precipitação para as próximas 72 horas: 

72 horas - Inmet - 2610
Fonte: Inmet 

 

Já na região Sudeste, a tempestade subtropical, nomeada como Mani pela Marinha brasileira, segue em atuação na costa Sudeste, aumentando o risco de chuvas fortes nesta região. Segundo Olívio, até as 9h57 (horário de Brasília), a precipitação acumulada no Espírito Santo já se aproximava de 80 mm. 

De acordo com a Climatempo, mesmo sobre o mar, a proximidade com o centro de baixa pressão atmosférica associado a Mani estimula a ocorrência de fortes rajadas de vento sobre o Espírito Santo que podem variar de 50 km/h a 80 km/h no decorrer desta segunda-feira, 26 de outubro de 2020. Há condições para fortes pancadas de chuva no estado.

Segundo Olívio, deve continuar chovendo em todo o Espírito Santo, áreas da Bahia e parte de Minas Gerais, com volumes que podem chegar a 30 mm. Também seguem mantidas as condições de pancadas de chuvas para todo o Centro-Oeste nos próximos dias. 

A atualização do modelo GFS segue indicando bons volumes para todo o Brasil Central nesta semana, além de voltar indicar chances de chuvas para áreas do Matopiba. Segundo o modelo, os volumes nessas regiões devem ficar entre 90 e 100 mm até o próximo dia 3 de novembro. 

Já no período entre 3 e 11 de novembro, as projeções ainda indicam chuvas para o Brasil Central, porém com volumes mais baixos. Para este período, o NOAA também indica uma diminuição expressiva dos volumes no Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. 

Veja o mapa de previsão estendida para todo o Brasil:

NOAA - 2610
Fonte: NOAA 

Ivái/PR. Enviado por João Paulo Gonçalves
Ivái/PR. Enviado por João Paulo Gonçalves​

Cafelândia/PR. Foto enviada por Marcos A. Simon
Cafelândia/PR. Foto enviada por Marcos A. Simon​

Ivái/PR. Enviado por João Paulo Gonçalves
Ivái/PR. Enviado por João Paulo Gonçalves​

Clique e envie sua foto ou vídeo e apareça aqui no Notícias Agrícolas! Fale com a gente através do WhatsApp (19) 99767-0241, direct no Instagram @noticiasagricolas ou use a hashtag #imangensdodia

 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário