HOME VÍDEOS NOTÍCIAS METEOROLOGIA FOTOS

Chuva começa a migrar para o BR Central e pode atrapalhar colheita da soja; parte do país pega fogo com altas temperaturas

Publicado em 28/12/2021 10:55 6631 exibições
Condição na Bahia continua sendo de estado de atenção, volume de chuva diminui, mas instabilidade continua nas próximas horas

Logotipo Notícias Agrícolas

Segundo as previsões mais recentes do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), as chuvas devem começar a perder força nas próximas horas, mas a condição ainda é de alerta no sudoeste e sul do estado, considerando que a infraestrutura do estado já está bastante debilitada com as chuvas dos últimos dias. Segundo Naiane Araújo, meteorologista do Inmet, o canal de umidade agora começa a se  deslocar para o Centro-Oeste do Brasil, o que pode comprometer a colheita da soja e levar transtornos nas principais áreas de produção do Brasil. 

"Em relação à Bahia, o volume de chuva é mais baixo hoje, mas com o solo em situação tão crítica, qualquer 10mm pode trazer novos transtornos. Para o Mato Grosso, o prognóstico até o momento não é positivo para colocar máquina no campo e se as previsões se confirmarem, os próximos dias podem ser bastante complicados", afirma a especialista. Além da colheita, a preocupação do produtor na região também é com o possível excesso de chuva na BR 163. 

Para as próximas 24 horas o modelo Cosmo do Inmet mantém a previsão de chuva entre 20mm e 40mm na Bahia, ainda no Matopiba, o modelo também prevê mais chuvas no Maranhão, com acumulados entre 20mm e 40mm. Mantém a tendência de chuva para Tocantins e Piauí, porém com volumes mais baixos, além de indicar condição de chuva muito forte para o norte de Minas Gerais, onde a precipitação pode ultrapassar os 70mm no período. 

No Centro-Oeste, diferente do observado dos últimos dias no Mato Grosso, as chuvas começam a chegar em todas as regiões do estado. Nesta terça-feira (28), a previsão é de chuva entre 20mm e 40mm em todo estado. Apenas a região sul dok Mato Grosso deve ter chuva com volume mais baixo. Ainda no Centro-Oeste, também chove em Goiás, e segundo Naiane na região norte do estado as chuvas chegam com intensidade e podem trazer algum transtorno nas próximas horas. Em relação aos volumes, Goiás tem previsão de acumulados entre 20mm e 40mm. 

Veja o mapa de previsão de precipitação nas próximas 93 horas: 

 

GIF 28-12-2021 10-59-06
Fonte: Inmet


PARTE DO BRASIL COM TEMPERATURAS ELEVADAS E TEMPO MUITO SECO

Enquanto as chuvas continuam preocupando no produtor do centro-norte do país e trazendo muitos transtornos no Nordeste, o centro-sul do Brasil segue registrando dias com temperaturas elevadas e tempo muito seco. 

De acordo com Naiane, há vários dias sem registrar chuvas significativas, as condições do tempo não devem mudar de forma muito expressiva nos próximos dias e o cenário mais crítico é para a faixa oeste do centro-sul do Brasil, onde as temperaturas podem bater a casa dos 40 graus. 

O modelo de previsão de temperatura do Inmet prevê temperaturas elevadas para os três estados da região Sul do Brasil, no Mato Grosso do Sul, centro-oeste de São Paulo e extremo sul do Mato Grosso e Goiás. "No oeste do Rio Grande do Sul o calor é ainda mais intenso, na fronteira as temperaturas podem ultrapassar os 40 graus", afirma a meteorologista. 

A falta de chuva e as altas temperaturas também trazem problemas para a soja do Paraguai. Em vídeos gravados por produtores, a plantação de soja é atingida pelo fogo. Vale lembrar que assim como o Brasil, o Paraguai também enfrenta uma das piores estiagens dos últimos anos.

Veja o mapa de previsão de temperatura nos próximos dias: 

 

GIF 28-12-2021 11-00-47 temperatura
Fonte: Inmet 


 

Por:
Virgínia Alves
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário