Marco Maia rejeita pedidos de destituição do relator do Código Florestal

Publicado em 25/04/2012 08:47 500 exibições
O presidente da Câmara, Marco Maia, rejeitou nesta terça-feira (24), em Plenário, duas questões de ordem sobre a indicação do deputado Paulo Piau (PMDB-MG) para a relatoria do Código Florestal (PL 1876/99).

Em resposta a uma questão de ordem do líder do PV, deputado Sarney Filho (MA), o presidente negou o pedido de considerar Piau impedido de relatar o texto do Senado. O PV pediu o impedimento porque Piau é autor de um projeto que tramitou apensado ao Código Florestal.

Maia argumentou que o projeto de Piau foi rejeitado na Câmara antes de ser enviado ao Senado e que o parlamentar não foi relator da proposta em sua primeira tramitação na Câmara.

O Psol apresentou questão de ordem semelhante à do PV, que também foi rejeitada.

Doações de campanha
Marco Maia também rejeitou questão de ordem na qual o Psol argumentava que o Código de Ética da Câmara impediria o deputado Paulo Piau de assumir a relatoria do Código Florestal por ter tido pelo menos 41,7% de sua campanha eleitoral financiada por segmentos da produção agropecuária, que teriam interesse específico no tema.
Fonte:
Agência Câmara

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário