Feijão: Varejo reflete os preços de compra do empacotador

Publicado em 27/08/2019 15:30
230 exibições
Fica claro que observar os preços praticados no varejo em panfletos promocionais das redes de supermercado e a partir deles construir o preço a ser pago no produtor não faz sentido. Na verdade, o varejo reflete os preços de compra do empacotador e, consequentemente, os seus custos de aquisição. Se promovem barato é porque alguém vendeu Feijão barato. Normalmente o Feijão-carioca vendido barato na gôndola é por ser escuro ou manchado ou ainda com excesso de bandinha, sem algum bom motivo como estes não há mágica. Ninguém promove a preços abaixo do preço que pagou caro. Se pagou por Feijão extra R$150 na compra, irá vender acima deste valor. Após a forte pressão especulativa que buscou pressionar os produtores a venderem por preços vis, a tendência se inverteu. Nesta segunda-feira, vários lotes foram vendidos em Minas Gerais por preços entre R$ 147/150, FOB fazenda. Produtores em Goiás, que receberam ofertas por volta de R$ 140, em sua grande maioria preferiram esperar mais um pouco.
Fonte: IBRAFE

0 comentário