Exportações de carne suína aumentam 8,47% em volume, em janeiro

Publicado em 07/02/2012 07:34 352 exibições
As exportações brasileiras de carne suína aumentaram 8,47% em toneladas e 4,08% em valor, em janeiro, na comparação com igual período de 2011. O Brasil embarcou 37.756 toneladas e obteve uma receita de US$ 96, 82 milhões. Houve uma queda do preço médio de 4,05%. (Veja estatísticas em anexo)

O ano começou com Hong Kong despontando como principal destino da carne suína brasileira – absorveu quase 37% das exportações em janeiro. A Rússia despencou para o 6º destino, atrás de Hong Kong, Ucrânia, Argentina, Angola e Singapura.

No final do ano, iniciaram-se os embarques para a China, que comprou 52 toneladas. Pela primeira vez, o país figura na lista de importadores brasileiros. A China é o principal produtor mundial, com 51,3 milhões de t, na previsão do USDA (Departamento de Agricultura dos EUA) para 2012. É o quarto importador, com 560 mil t, e o quinto exportador, com 280 mil t. Os chineses se classificam em sexto lugar no quesito consumo per capita: 38,40 kg por pessoa/ano.

Os principais destinos da carne suína brasileira, em janeiro, foram: Hong Kong, com uma participação de 36,83%, Ucrânia (13,61%), Argentina (11,32%), Angola (8,61%) e Singapura (6,04%).

Para a Rússia, o Brasil embarcou 2,15 mil toneladas em janeiro, uma queda de 85,46% em volume e 85,92% em valor, na comparação com janeiro de 2011. Em toneladas, o resultado é próximo da média do que o País vinha exportando nos últimos meses.

Para a Ucrânia, as vendas brasileiras de carne suína subiram bastante – 473,43% em volume e 419,25% em receita. Foram exportadas 5,14 mil t em relação a janeiro de 2011.

Cresceram 99,05% os embarques para Hong Kong em toneladas e 122,48% em valor: 13,90 mil t e US$ 33,8 milhões. A Argentina importou 4,27 mil t em janeiro, um aumento de 18,62% na comparação com janeiro de 2011.

Tags:
Fonte:
Abipecs

0 comentário