Frango: Tendência para 2014 é de estabilidade, com boas margens de remuneração

Publicado em 19/05/2014 16:35 316 exibições

Durante todo o mês de maio, os preços do frango seguem estáveis nas principais praças, apresentando apenas uma leve queda no Paraná (de R$2,10/kg para R$2,05/kg) e em Minas Gerais (de R$2,05/kg para R$2,00/kg).

De acordo com Victor Walzberg, gerente de mercado da Agroceres, a tendência para o mercado do frango ao longo de 2014 é de estabilidade, com uma boa margem de remuneração ao produtor, tendo alguns fatores que podem ser decisivos como o excesso de oferta, o poder de compra do consumidor e a Copa do Mundo, que ainda é considerada uma incógnita em termos de consumo.

Para a segunda quinzena de maio, os preços apresentados para o mercado não devem ser tão bons, uma vez que o poder de compra fica retraído, mas a queda no mercado dos grãos deve ajudar a situação a não apresentar desvantagens para os avicultores.

Os produtores devem ter atenção quanto à oferta disponível no mercado, que deve estar regulada com a demanda. Com o aumento da taxa de inflação, é possível que cresça a demanda pela carne de frango em decorrência do aumento do preço da carne bovina.

Com a Copa do Mundo à vista, a primeira semana de junho ainda é incerta, mas a tendência principal é de que haja um aumento da demanda devido à vinda de turistas ao país.

O frango vivo está cotado a R$2,20/kg em São Paulo, R$2,15/kg em Santa Catarina, R$2,05/kg no Paraná, R$2,50/kg no Rio Grande do Sul e R$2,00/kg em Minas Gerais.

Tags:
Por:
Izadora Pimenta
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário