Frango Vivo: PR tem queda de 5,5% em dois meses

Publicado em 10/06/2014 15:52 299 exibições

Os números do Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria de Agricultura do Paraná (Seab) apontam para uma queda de preços expressiva no estado entre os meses de março e maio. Em março, o quilo do frango vivo era comercializado a R$ 2,34, enquanto a média de maio foi de R$ 2,21, queda de 5,5%. Nesta segunda-feira (09), o valor de venda foi de R$ 2,29.

A Copa do Mundo, para todos os setores de produtos, traz melhores expectativas de demanda, mas o reflexo ainda não foi visualizado no mercado de frango. O Cepea apontou na última sexta-feira (6) que frigoríficos formaram estoques e não encontraram o consumo esperado.

De acordo com Ariovaldo Zani, vice-presidente do Sindirações, as expectativas para os próximos meses, mesmo com as superssafras de soja e milho que vêm sendo estimadas nos Estados Unidos, são de preços mais altos para a soja, uma vez que os estoques globais estão escassos e que a demanda chinesa para o grão continua bastante forte. Para o milho, no entanto, a situação é um pouco mais confortável. A tendência para o segundo semestre, no entanto, é de que haja um esfriamento no custo do milho e uma recuperação na rentabilidade para os produtores de frango.

As exportações de frango brasileiras se encontram também em uma boa média. Segundo com dados da Agência das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), nos últimos 10 anos, encerrados em 2013, o preço médio do frango exportado pelo Brasil, da ordem de US$888/t, fechou 2013 com o valor de US$2.018/t, o que significou um incremento de 127% em uma década. Este número aponta para exportações melhores que as dos americanos, que conseguiram obter US$1.250/t no ano passado.

Confira os preços do frango vivo nas principais praças nesta terça-feira (10):

Tags:
Por:
Izadora Pimenta
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário