Suíno Vivo: Cotações sobem R$ 0,16 no Rio Grande do Sul nesta 2ª feira

Publicado em 06/06/2016 18:23

A semana começa com novas altas para o suíno vivo nesta segunda-feira (06). Desta vez, a alta foi registrada no no Rio Grande do Sul. Na última semana, grande parte das praças de comercialização tiveram alta de preços e começam a recuperar as margens, que ainda estão abaixo dos custos de produção.

Segundo pesquisa semanal de preços realizado pela ACSURS (Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul), o preço médio pago aos produtores independentes fechou em R$ 3,72/kg – acréscimo de R$ 0,16. A cotação para os suinocultores independentes também subiu para R$ 2,83/kg.

Além disto, a cotação média da saca de milho de 60 quilos no estado registrou recuo e passou a ser de R$ 50,33/kg (na semana anterior estava em R$ 52,16 por saca). Já o farelo de soja subiu fechou com alta, em R$ 1.635,00 por tonelada –, que era cotada R$ 1.535,00 na última pesquisa.

Em São Paulo também houve melhora nos custos de produção, segundo aponta informações da Scot Consultoria. Com a arroba suína cotada em R$ 75 e a saca de milho de 60 kg registrando recuo, houve uma melhora no poder de compra do suinocultor paulista.

“Em Campinas (SP), atualmente, é possível comprar 4,62 quilos do grão com um quilo de suíno. Há sete dias esta relação estava em 4,15. Melhora de 11,2% no poder de compra do produtor”, aponta a Scot.

Exportações

Seguindo os resultados de maio, as exportações seguem com bom desempenho. O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) aponta que nos primeiros dias de junho foram embarcados 9,3 mil toneladas, com média diária de 3,1 mil toneladas. Em receita, os dados apontam para US$ 19,1 milhões.

» Acesse as cotações na íntegra para o suíno vivo 

Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário