Suíno Vivo: Seguindo demais regiões, preços sobem em Santa Catarina nesta 5ª feira

Publicado em 09/06/2016 18:09

Nesta quinta-feira (09), as cotações para o suíno vivo voltaram a registrar altas. A bolsa de suínos de Santa Catarina definiu referência de negócios em R$ 4,00/kg – um acréscimo de R$ 0,30 em relação a anterior. Esta é a segunda semana consecutiva de altas na praça, visto que houve aumento de preços para suinocultores independentes e também integrados.

Segundo o boletim do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), a reação de cotações nas últimas semanas é consequência do volume positivo de embarques, que têm enxugado a disponibilidade interna. Segundo divulgou o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) na última segunda-feira, nos primeiros dias de junho foram embarcados 9,3 mil toneladas, com média diária de 3,1 mil toneladas.

Além disto, a primeira quinzena do mês é o período típico de maior consumo, devido ao recebimento de salários. Com isso, o Cepea aponta que a tendência é de que novas altas sejam registradas no mercado.

“As cotações do animal vivo e também da carne continuam em forte reação, de acordo com dados do Cepea. No acumulado parcial do mês (de 31 de maio a 8 de junho), o animal vivo se valorizou 5,4% no estado de São Paulo”, apontam os pesquisadores.

Apenas nesta semana, os preços já subiram significativamente em São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Por outro lado, em grande parte das regiões, os atuais patamares continuam não cobrindo os altos custos de produção, puxados pelo farelo de soja e milho. 

» Acesse as cotações na íntegra para o suíno vivo 

Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

Ao continuar com o cadastro, você concorda com nosso Termo de Privacidade e Consentimento e a Política de Privacidade.

0 comentário