Suínos: Menor consumo limita altas no Brasil

Publicado em 22/09/2016 11:00
61 exibições

Historicamente, os preços da carne suína tendem a iniciar movimento de alta a partir de setembro, com o início da formação de estoques dos frigoríficos para as vendas de final de ano. Neste ano, porém, conforme pesquisadores do Cepea, a demanda interna enfraquecida tem impedido valorizações significativas, mesmo em um contexto de menor oferta.

Entre 14 e 21 de setembro, o animal se valorizou 2,7% na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba), onde passou para a média de R$ 4,06/kg na quarta-feira. Para a carne, as vendas caíram ainda mais com a entrada da segunda quinzena. No atacado da Grande São Paulo, o preço da carcaça comum suína subiu 1,1% nos últimos sete dias, a R$ 5,79/kg na quarta, 21, já o da especial teve ligeiro aumento, de 1%, a R$ 6,22/kg também na quarta.

Fonte: Cepea

Nenhum comentário