Baixa Saxônia, na Alemanha, uma das maiores produtoras de aves na Europa, registra casos de gripe aviária

Publicado em 23/11/2016 09:27
47 exibições

Autoridades alemãs estão se preparando para abater cerca de 16 mil perus após a descoberta de um suposto caso de gripe aviária de baixo-risco (H5) na Baixa Saxônia, uma das maiores regiões produtoras de aves da Europa.

Na região, as fazendas possuem mais de 35 milhões de frangos, perus, patos e gansos.

Outros casos também já foram identificados em Israel e em uma série de países europeus. Alguns deles mantiveram as aves em cativeiro para evitar a propagação das doenças.

A gripe, na cepa H5N8, que é mais preocupante, também vem sendo encontrada em aves selvagens em grande parte da Alemanha nas últimas semanas, fazendo com que o governo reforce as regras sanitárias para as fazendas.

Também na Alemanha, assim como na Hungria e na Áustria, foram reportados casos em patos domésticos e em fazendas de perus onde toda a granja teve de ser abatida. Um caso ainda foi relatado nesta segunda-feira (21) na Dinamarca.

Mais casos de gripe aviária em situação severa, devem ocorrer na Europa nas próximas semanas, uma vez que os pássaros selvagens que podem estar transmitindo o vírus se encontram em migração.

A gripe aviária não pode ser transmitida pela comida, mas as restrições de mercado podem ter um maior impacto nos paises onde a doença está presente.

Tradução: Izadora Pimenta

Fonte: Agriculture.com

0 comentário