Chega a 48 o número de funcionários com Covid-19 da unidade da JBS de Passo Fundo

Publicado em 28/04/2020 11:38 283 exibições
Planta foi interditada na sexta-feira (24) pela superintendência regional do trabalho e não há previsão de quando as atividades devam ser retomadas; até o momento da interdição eram 19 casos

LOGO nalogo

De acordo com informações do Ministério Público do Trabalho (MPT) do Rio Grande do Sul, aumentou para 48 o número de casos de funcionários contaminados da unidade de Passo Fundo (RS) da JBS. A planta processadora de aves foi interditada na sexta-feira (24) pela Superintendência Regional do Trabalho após fiscalização, e até a data do fechamento da unidade, eram 19 casos. 

Segundo informações da imprensa local, foram 27 diagnósticos por meio de teste e 21 por critérios epidemiológicos. Apesar das informações do MPT-RS, a assessoria de imprensa da JBS afirmou que não concorda com o número informado pelo Ministério, e que registra um total de 29 funcionários contaminados na unidade.

O MPT-RS informou, por meio da assessoria de imprensa, que agora compete à Superintendência Regional do Trabalho de Porto Alegre autorizar a reabertura da fábrica, mediante cumprimento de medidas impostas pelo órgão. 

De acordo com a assessoria de imprensa do MPT-RS, uma ação civil pública foi ajuizada contra a empresa, já que a JBS teria se recusado a assinar um Termo de Ajuste de Conduta (TAC). Esta ação ainda não foi julgada, e nem houve pedido de liminar, já que a própria fiscalização da Superintendência decidiu pela suspensão das atividades na planta. 

O QUE DIZ A JBS

"A empresa esclarece que os seus protocolos atendem em 100% as orientações da Secretaria do Trabalho (Ministério da Economia) para o setor frigorífico. Ao contrário do auto de interdição que extrapola o protocolo da Secretaria do Trabalho, as ações implementadas pela JBS estão totalmente amparadas em laudos e recomendações técnicas dos órgãos de saúde e de especialistas da área médica, incluindo a Consultoria do Hospital Alberto Einstein, contratado pela JBS para apoiar em todas as ações voltadas aos seus colaboradores na área de prevenção e segurança contra a Covid-19, conferindo ainda mais qualidade técnica e segurança aos protocolos implementados pela empresa e que incluem, entre outras ações:   

·         Desinfecção diária e periódica de todas as instalações da empresa;   

·         Medição de temperatura de todos os colaboradores antes de acessarem a unidade;  

·         Afastamento das pessoas do grupo de risco;  

·         Inclusão de novos EPIs para uso permanente, como introdução de máscaras acrílicas;  

·         Obrigatoriedade do uso de máscaras de proteção para 100% dos colaboradores, incluindo a área administrativa;  

·         Adoção de medidas de distanciamento social;  

·         Vacinação contra gripe H1N1 para todos os colaboradores, entre outras ações.  

A proteção dos colaboradores sempre foi o primeiro objetivo da JBS, desde o início da pandemia da Covid-19. A empresa segue pautada por esse princípio e confia em que as atividades em Passo Fundo serão retomadas brevemente".

Tags:
Por:
Letícia Guimarães
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário